Jornal O Jogo cai no ridículo

Se o caso que faz notícia é, em bom rigor, uma absoluta nulidade, a falta de profissionalismo de quem a escreveu e do respectivo editor é gritante. A modelo da Playboy andava “aos saltitos” e quase foi atropelada pelo pelotão do Giro. “Infelizmente nada aconteceu“, o que é uma pena, pois teria sido fabuloso se a senhora fosse atropelada. Pelo menos a julgar pelo teor desta peça. Um aplauso para o jornalismo de qualidade.

Imagem via Os truques da imprensa portuguesa