Albuquerque   revisitado

– Não é crime, disse ele, tentando resistir à ruína, ao opróbrio, à desumanidade.

A Escola de Formação Profissional FVForm, do Eng.º Fernando Vieira, já não paga aos formadores há um ano

Uma breve pesquisa na internet diz-nos quem é o Eng.º Fernando Vieira: antigo sócio da PROJCFI, com dívidas desde 2005, formou entretanto uma nova Escola de Formação Profissional: a FVForm, com instalações em Braga, Amarante, Gondomar e Lordelo.
Na escola de Gondomar, onde ministra os cursos financiados de Estética e de Cabeleireiro, dirigiu pessoalmente as entrevistas aos formadores. Aos seleccionados, através de uma funcionária, mandou dizer que o vencimento por hora seria de 30 euros mas que só lhes pagaria 10, porque para receberem os restantes 20 teriam de leccionar mais 2 horas nos cursos não-financiados.
Entretanto, há cerca de um ano que a FVForm deixou de pagar aos seus formadores. Muitos deles, fartos com esta situação, deixaram a empresa. O Eng.º Fernando Vieira defende-se sempre com os atrasos das verbas enviadas pelo POPH. A verdade é que o POPH já comprovou que não existe qualquer atraso, pelo que a mentira descarada, mais uma vez, é da FVForm. Há formadores que já têm milhares de euros em atraso.
Num acto de gestão muito conveniente, o Eng.º Fernando Vieira registou cada uma das suas Escolas Profissinais através de entidades jurídicas distintas. Assim, se numa escola tiver problemas, não terá nas restantes por arrastamento.
Na FVForm de Gondomar, os formadores vêem com apreensão o seu futuro e temem ficar sem o dinheiro que é seu. Será que o Eng.º Fernando Vieira prepara mais uma das suas habituais golpadas?

Nuno Saraiva

O campeonato ainda não acabou

Académica de luto frente ao Sporting. Porque para haver justiça todas as equipas com 3 meses de salários em atraso deveriam ser penalizadas.