Isto é muito bom

Facebook has taken the EU to court for invading the privacy of its employees,

The social media company claims EU regulators have asked broad questions beyond the scope of two ongoing antitrust probes, and it has requested that the General Court in Luxembourg intervene. The EU is investigating both how Facebook collects and makes money from data and whether its Marketplace business has an unfair advantage over rivals in classified advertising.

É como se o Marques Mendes fosse fazer queixa de alguém por causa de coscuvilhice.

Comments

  1. Ana Moreno says:

    Menos bom, no Público:
    “O Tribunal Geral da União Europeia, que está associado ao Tribunal de Justiça da União Europeia, concordou em suspender o pedido de dados enquanto avalia melhor a situação. Em comunicado, Marc van der Woude, presidente daquele tribunal, explicou que a decisão pretende “prevenir uma situação é em que o material contestado é divulgado violando os direitos fundamentais à privacidade” dos funcionários e directores do Facebook.
    A decisão final sobre o pedido de dados ainda não foi feita, embora o Facebook possa contestar o resultado. A Comissão diz que irá defender a sua posição em tribunal, e que as investigações sobre o abuso de posição dominante do Facebook continuam a decorrer.”

    O melhor é sair do FB 🙂

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.