Respectivamente, sim, mas só para alguns

Diário de Notícias entrevistou José Carlos — futebolista que, como se depreende e bem, nunca representou a selecção brasileira.

6102013a

Pois, segundo o ILTEC, ‘respectivamente’ “não é usado em Portugal”.

6102013c

Contudo, se a Folha de São Paulo tivesse entrevistado José Carlos, em vez de *respetivamente, teríamos ‘respectivamente’.

6102013b

Bem-vindos, de novo, ao fabuloso mundo da “unidade essencial da língua portuguesa“.