O fato de apresentação

If ifs and buts were candy and nuts we’d all have a Merry Christmas.

Acquisition takes time; it takes far more than five hours per week over nine months to acquire the subjunctive.

Stephen Krashen

***

Como ontem e anteontem, temos na epígrafe uma referência ao conjuntivo. Como ontem e anteontem, temos grafias exóticas, no sítio do costume:

Amanhã e depois de amanhã, felizmente, é fim-de-semana e não há Diário da República. Efectivamente, fim-de-semana: com hifenes, com certeza, logo, sem fatos e sem contatos no sítio do costume. Desejo-vos um óptimo fim-de-semana.

***

O Pinóquio e Joseph Blatter

Hoje, Neil deGrasse Tyson teve um daqueles momentos. Ainda bem. Realmente, no universo do Pinóquio, a pergunta “o que aconteceria ao nariz do Pinóquio, se ele declarasse: ‘o meu nariz está prestes a crescer’?” não tem resposta.

A pergunta “Ronaldo ou Messi?”, em princípio, digo eu, muito subjectivamente (desconheço parâmetros para aferir objectivamente esta matéria, mas admito que existam) não tem resposta objectiva no planeta Terra. Prefiro Ronaldo, mas a minha condição de português, provavelmente, toldar-me-á o discernimento. Contudo, na Oxford Union e alhures, estar-se-ão nas tintas para as minhas predilecções acerca deste assunto. Porquê? Porque não sou o presidente da FIFA. Não sei o que toldará o discernimento de Blatter.