O vírus (fim)

O vírus do covid tem feito muitos estragos. Mas está longe dos efeitos do outro vírus que assola o mundo.

Assistimos ao despudor com que se mente à vista de todos, sem que os mentirosos sem importem por saberem que quem os ouve sabe que estão a mentir. Esta inversão de valores, reforçada por uma hipocrisia sem limites, tem um impacto fundamental em todos os tópicos anteriormente abordados.

A reacção do poder instituído ao breve crepúsculo em que se publicaram alguns arranhões na Internet foi de contra-informação em larga escala, estratégia que culminou nas fake news de agora. O próprio jornalismo transformou-se, em larga medida, num produto de consumo imediato, superficial e em busca do sound bite, à imagem do modelo de sociedade que temos.

Este é o maior vírus que nos ataca de há algum tempo a esta parte. Aos poucos, apaga a decência. O resto vai por arrasto.

(o vírus)

Comments


  1. A mentira, na sua forma mais despudorada, tem novos protagonistas, e à direita, o que é um choque para os despudorados de sempre!

    • Paulo Marques says:

      Não choca ninguém que não venha nenhuma verdade da direita; afinal, já toda a gente notou que não há pelotão da frente, nem recuperação austeritária, nem chuva dourada.

    • abaixoapadralhada says:

      Menos

      Os Salazarentos sempre foram mentirosos, não é de agora

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.