Pizza diavola e telemóvel com cravos reflectidos

Comments

  1. POIS! says:

    Pois estrou completamente siderado.

    Francisco, estamos em presença de uma obra-prima! É desta massa que são feitas as grandes criações do nosso tempo.

    A sublime expressão do salame, aliada ao fino contraste entre a presença ameaçadora do cortador e a serenidade beatífica do telemóvel tornam esta inspirada instalação um acontecimento irrepetível (sim, irreeptível,na medida em que não será para mesmo para repetir).

    Temo bem que a modéstia que é reconhecida ao seu Criador acabe por tornar este seu assombroso produto pasto da voracidade dos dias.

    De outro modo, teria certamente lugar de destaque em qualquer dos grandes templos da Arte: Vaticano, MOMA, Guggenheim, Tate, Serralves ou mesmo a minha Sala de Jantar.

    • POIS! says:

      Temos que erratar: na primeira linha é “estou” e não “estrou”. Foi o nervoso da esteia no mundo da crítica de arte que acabou por me ataiçoar.

    • Francisco Miguel Valada says:

      POIS!, só este delicioso comentário já fez valer a pena a irrepetível ideia. Ainda bem que a tive.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.