Décadas de investimento público para isto

“Emigrem”, disse o idiota. Quem recebe a mão de obra sem custo de formação agradece. Eis um país mais empobrecido decorridos 42 meses de mentira, avalizada pelo faz de conta de belém.

Comments

  1. Ernesto Martins Vaz Ribeiro says:

    Faz de conta de Belém?
    Mas ainda há dúvidas que o mentor desta situação é o sr, que está em Belém? Os Portugueses lembrar-se-ão do cavaquismo como hoje se recordam do salazarismo. A diferença reside apenas numa operação de “reciclagem”.
    Há trinta anos que o sr. de Belém, directa ou indirectamente nos governa, tendo criado um grupo de testas de ferro que aplicam no terreno a sua política.
    E a mentira – recordem – começou quando em Maio de 1985 o sr., hoje de Belém, foi à Figueira da Foz fazer a rodagem do seu carro (palavras suas). Nesse dia mentiu e, de lá para cá, não parou de mentir sob a capa da discrição e manutenção de um grupelho que executa, à boa maneira salazarista, as suas políticas.
    Mas continuo a dizer o que sempre disse: Esta gente que conta já com 5 maiorias absolutas está lá, porque mais de metade dos eleitores os escolheram.
    Assoem-se agora ao guardanapo…


  2. Reblogged this on O Retiro do Sossego.

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.