Outra vez os drones

Uns vão directos ao mar, mas dão de comer a muito boa boyzada gente. Outros há que azucrinam a vida das pessoas em sítios onde não deviam estar, tipo aeroportos, como este imbecil e outros antes dele. Um dia pode correr mal. E os drones, neste planeta cada vez mais orwelliano, tendem a crescer e a multiplicar-se.

Sim, eu sei que eles servem para outras coisas. Para boas filmagens aéreas, para entregar comida a idosos em isolamento. Mas isso é tudo muito bonito até que um bicho destes nos apanha com as calças na mão. A chantagem tem um futuro risonho pela frente. Como se já não bastasse termos entregue a nossa privacidade de mão beijada ao Facebook e da Google.

Foto via BBC

Comments

  1. Tenhamos dó dos velhos de carola says:

    Ontem, caravelas, hoje, drones.
    Os Velhos do Restelo são tão curtidos !

    Tadinhos. Há que ser benovolente.

    https://youtu.be/vLnWX2DYldU


  2. Vão ser as caravelas do nosso descontentamento. Quando voarem 300 Kms, vão ser as futuras pragas de gafanhotos do ISIS.

  3. Luís Neves says:

    Entregarem comida a idosos… Que cena mais cretina… Com que cabeça é que estas pessoas pensam…

Trackbacks


  1. […] drones estão de volta aos aeroportos e a coisa não parece querer ficar por aqui. Depois do recente episódio no Francisco Sá Carneiro, a que se somam outros como o ocorrido no João Paulo II, em Ponta Delgada, eis que ontem a […]

Deixar uma resposta