Isabel Moreira comentou a nomeação de João Galamba

Perceber a relevância enorme de João Galamba ser o primeiro secretário de Estado com brinco fora da mesa-de-cabeceira em Portugal. Um óptimo trabalho, agora na energia, querido João Galamba.

Comments

  1. Rui Naldinho says:

    Nao estou a ver João Galamba a fazer pior ou melhor do que todos os outros Secretários de Estafo da Energia nos últimos dois governos de Portugal. Resumindo e concluindo, nada fizeram. O único que me parecia com vontade de afrontar as operadoras de electricidade, em especial a EDP, foi Henrique Gomes, demitindo-se meio ano após tomar posse.
    Logo aí percebi que a chamada PáF não tinha intenção de acabar com lobies, compadrios, nem nada que lhes desse jeito, com excepção dos parcos direitos e rendimentos de quem é mais fraco nesta equação em que se tornou a dívida portuguesa.
    Ainda assim, eu já ficaria satisfeito, se por estes dias visse Galamba a aproximar-se sorrateiramente de Catroga, por exemplo, ou de António Mexia, meter-lhes a mão direita na berguilha, como quem lhes vai fazer umas festas, e no minuto seguinte os visse a subir três ou quatro centímetros na altura, com a cara vermelha, a contorcerem-se de dores tomatais.
    Se não podes vencê-los, ao menos aperta-lhes o escroto.
    Mal por mal, senti-mo-nos mais aliviados.

  2. Paulo Marques says:

    A caixa de comentários desse artigo é literalmente cancro.
    Quanto ao secretário da energia, enquanto não for nacionalizado é um bocado irrelevante – diz-se que sim porque não há outra escolha.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.