Deram um ministério ao Tiago

Tenho aversão ao egotismo, ao bairrismo, ao nacionalismo, ao clubismo, ao corporativismo e a outros –ismos que levam as pessoas a declarar que são superiores ou que pertencem a grupos e instituições superiores. Penso sempre que estes –istas estão a milímetros de defender que pertencem a uma raça superior, o que me faz lembrar campos de concentração e outras coisas prejudiciais à saúde.

Quando, finalmente, se tomou a decisão de permitir que não houvesse aulas, o alegado ministro da Educação apareceu, com voz grossa, a afirmar que ninguém estava de férias e que os funcionários docentes e não docentes iriam ter de continuar a apresentar-se nas escolas, sempre que fosse necessário.

Acontece que a maioria dos funcionários docentes e não docentes já anda nas escolas há muito mais tempo do que Tiago Brandão Rodrigues, o alegado ministro. Tiago, aliás, parece um daqueles meninos ricos a quem os pais compravam uma bola das mais caras e ficava convencido de que sabia jogar futebol. Deram-lhe um ministério e acredita que passou a perceber do assunto.

Não sou corporativista, mas tenho a certeza de que a esmagadora maioria dos professores sabe o que tem a fazer. Se o ministro quiser ajudar, basta ficar quieto e calado, até porque, com o calor, há mais moscas.

O país está cheio de idiotas que acreditam que o horário de trabalho de um professor se reduz ao tempo que passa na sala de aulas. O país está cheio de idiotas que pensam que os professores são, na sua larga maioria, pessoas irresponsáveis que é preciso vigiar. Alguns desses idiotas defendem que picar o ponto é garantia suficiente para mostrar quem trabalha (uma confidência: a ausência de um mau professor é benigna). O problema surge, quando um idiota é ministro.

Comments

  1. André Ventura Fã (Ventur-ista) says:

    És tão chorão que até a chorona APP achou que choras demais. És mais um “baby boomer” pseudo-revolucionário burguês que se acha mais que os outros (Abril-ismo no seu melhor).

    • E o burro sou eu ? says:

      Vaz

      Entretem-te a “martelar” os likes e deslikes, que é o que sabes fazer e deixa os comentários para os adultos

  2. Anti Baby Boomers Abril-escos says:

    “Biologicamente falando, não há raças. Isso é inegável.” – António Fernando Nabais

    “Todas as nossas políticas sociais são baseadas no facto de que a inteligência deles (Africanos) é a mesma que a nossa – todos os testes dizem que não.” – James Watson

    “Há uma diferença na média entre negros e brancos em testes de QI. Eu diria que a diferença é genética” – James Watson

    “A minha pesquisa leva-me inevitavelmente à opinião de que a principal causa dos déficits intelectuais e sociais do negro americano é a origem genética e racial hereditária e, portanto, não é remediável em grande parte por melhorias práticas no ambiente.” – William Shockley

    “O país está cheio de idiotas que pensam que os professores são, na sua larga maioria, pessoas irresponsáveis que é preciso vigiar.” – António Fernando Nabais

    “Na Democracia Liberal ™ o Professor não serve para ensinar às crianças e pensar por si próprias ou dar-lhes conhecimento eficiente e pragmático mas sim para as endoutrinar na neo teocracia anticientífica da Igualdade e na idolatria do Estado de forma a serem bons escravos da Oligarquia Mundial. Todo o sistema de selecção e treino de Professores serve para seleccionar e treinar os Professores que melhor servem estes objectivos. A maior parte dos professores nem servem para educar cães quanto mais crianças.” – André Ventura Fã

    • POIS! says:

      Olha pois!

      Mais um comentário do Vaz disfarçado! Ai que a gente ainda não tinha notado! Que belo disfarce! É uma linda burka cor de rosa bordada à mão pelo próprio!

      Isto porque o Xô Vaz raramente está acordado a esta hora. Passa a noite a falar com energumenos nas redes de energumenos e de manhã dá-lhe o sono dos energumenos. Já fez muita hora de sacrifício energumeno pela Humanidade..

      Citando o brilhante (tem um LED na cbeça que acende quando o QI atinge os 7,5 que lhe deram numa sessão de ocultismo semi-avançado) Venturoso Vaz:

      “A maior parte dos professores nem servem para educar cães quanto mais crianças.” (“André Ventura Fâ”)

      Ora bem! Fala quem sabe! O Xô Vaz sabe porque é da raça perdigueiro português mas nunca ninguém o levou á caça porque foi deficientemente educado em pequeno.

      Mas há males que vêm por bem. Nem sequer lhe ensinaram a dar a patinha, o que se revelou muito útil nos dias de quarentena que atravessamos.

      • Abstencionista says:

        Xô, ainda andas por aqui?
        Não te mandei já ir pró xaralho?
        Vai lá, despaxate pois!

        • E o burro sou eu ? says:

          Abstente de dar opiniões, burro

          • Abstencionista says:

            “E o burro sou eu?”
            Ainda perguntas?

          • E o burro sou eu ? says:

            Abstente de tudo, inclusivamente de pensar. Doi muito

            Essa pergunta foi feita a ti, burro abstencionista.
            Obviamente desnecessária, só os burros se abstêem

          • Abstencionista says:

            És tão sensível jegue!!!!!
            Nunca pensei que ficasses tão dolorido com a resposta que dei ao Xô… por isso, e como sou bem educado, mando-te também pró xaralho.

        • POIS! says:

          Pois não estou interessado!

          Não vou, para não me encontrar com V. Exa! Não frequento. Tenho outra orientação!

        • Paulo Marques says:

          O blogue é nosso, não da claque de drogados do Ventura.

  3. Ricardo Ferreira says:

    O roto a falar do rasgado…

    • André Ventura Fã (Ventur-ista) says:

      O Partido Xuxialista não deu xuxa á ANPROPORT e ele ficou todo ressabiado. Todo o Revolucionário Baby Boomer Burguês acha que tem o direito a um estilo de vida caviar pago pela classe trabalhadora.

      • POIS! says:

        Pois não deu!

        Falta dinheiro. È preciso para pagar aos dirigentes dos 427 sindicatos de polícia que estão empenhados no trabalho junto dos 24 polícias que ainda não são delegados sindicais.

        Ah! Mas o André Ventura, mal acabe de desmascarar o que está por detrás da OPA do SLB vai tomar uma posição firme!

        E só mais um apelo: Fecho das fronteiras já! (Quem tiver dificuldades e possuir algum pastel, dirija-se à Finipartner. Os melhores consultores ao seu serviço, com acesso ás altas esferas do poder!)

        • Abstencionista says:

          Resumindo os teus dizeres é que não há nada como realmente excepto nos casos em que antes pelo contrário.
          E o tipo lá de baixo ainda tem dúvidas se é burro lol.

      • E o burro sou eu ? says:

        Vaz

        “O Partido Xuxialista não deu xuxa á ANPROPORT e ele ficou todo ressabiado. Todo o Revolucionário Baby Boomer Burguês acha que tem o direito a um estilo de vida caviar pago pela classe trabalhadora.”

        Essa cassete ja tinha sido emitida !

      • Paulo Marques says:

        Estás à vontade para concorrer, bem como os Menos, Bessas e mais corja; estranhamente, são tão preguiçosos como chamam aos outros.

  4. Liberal-Nacionalista says:

    Artigo pejado de egotismo e corporativismo vindo de mais um professor auto-intitulado “Porta Voz dos Professores” e “Bom Professor”. Estadismos com enormes quantidades de funcionários publicos dão nisto, tribos e tribos-dentro-de-tribos que se acham mais que os outros.

    • Democrata_Cristão says:

      Outra nazi travestido de liberal

    • LiberalSocial says:

      Mas quando o Tiaguinho acabou com a possibilidade de ensino privado (melhor) para os pobres , numa das maiores guinadas para a extrema-esquerda fascista dos últimos tempos (com o único objectivo de garantir a permanente incompetência do funcionalismo que se instalou no ensino) , já era bom rapaz…Este Valada nem disfarça…

      Liberal Social

      • António Fernando Nabais says:

        Ó patetinha, o Valada é outro aventador. Lá porque és um cobardezito anónimo, não nos troques o nome, porque o Francisco Miguel Valada é um senhor e não deve ser confundido comigo.

      • abaixoapadralhada says:

        Ao Liberal Social seja lá o que isso for

        ” Tiaguinho acabou com a possibilidade de ensino privado (melhor) para os pobres ”

        O que tu queres dizer é que se acabou a mama para a padralhada ganhar dinheiro com o ensino privado à custa do Estado. Isso incomoda algumas pessoas, sempre prontas a ajudar os pedófilos na sua “missão evangelizadora”, de sacar dinheiro, como provam os Jesuitas.

      • Paulo Marques says:

        Não me digas, pagavas tu. Aproveita e paga o que falta para renda com os ordenados de miséria e a especulação que os donos dos colégios fazem.

    • Paulo Marques says:

      Tens razão, deve ser alguém que nunca esteve numa sala de aula a falar sobre elas. E nem falo estar como professor, tem que ser um espírito livre como tu.

    • abaixoapadralhada says:

      Mais um esterco-liberal a dizer coco

  5. António Fernando Nabais says:

    As caixas de comentários e as redes sociais são muito importantes, porque é assim que ficamos a saber que os idiotas e os reaccionários nunca se extinguirão. Mesmo que o André Ventura Fã (Ventur-ista),o Anti Baby Boomers Abril-escos e o Liberal-Nacionalista sejam pessoas diferentes, pertencem todos à mesma espécie dos cobardes que não são capazes de assinar o que escrevem. Cuidado com os estiramentos durante o passo de ganso, fofos!

    • Pedro Vaz says:

      Reaccionários?!? O baby boomer ainda está em 1975…reaccionários são vocês protectores e bajuladores do status quo do Estado Novíssimo (Oligarquia-Socialista Globalista Portuguesa) e nós Populistas/Nacionalistas somos os revolucionários.

      Já agora os mais parabéns á tua geração…que bonito serviço que fizeram!

      • Democrata_Cristão says:

        Já o botas dizia o mesmo !

      • AssinadoProNabaisDenunciaraStasi says:

        Ó Nabais , vai ta foder , mete o comunismo no cu…

        Assinado

        • António Fernando Nabais says:

          A Stasi era a Pide do outro lado, não era? Bem me parecia! Um bom dia para ti, também, e obrigado pela preocupação com os meus orifícios.

      • António Fernando Nabais says:

        Ó filho, não há problema: se tu és revolucionário, eu passo já a ser reaccionário! Deus me livre de ser confundido com gentinha como tu!
        Agradeço os parabéns, mas não te quero excluir: todos fizemos um trabalho magnífico desde 1974 até hoje – apesar dos muitos erros e defeitos, já não vivemos no triste subdesenvolvimento da Outra Senhora. Que haja saudosos desses tempos é só mais uma prova de que o país está cheio de idiotas, mas estou aqui para defender o teu direito a seres idiota.

        • Cuidado c a STASI says:

          Sim foi um belíssimo trabalho, podes limpar as mãos à parede!
          Exemplo Rápido:
          IDH 2000 Portugal : 0,88(28º); Irlanda: 0,925(18º)
          IDH 2017 Portugal: 0,847(37º);Irlanda:0,938(9º)
          Sal.Médio 2018 Portugal: 18362€; Irlanda: 47227€

          Depois admiras-te que a rapaziada em Portugal (a mais bem preparada de sempre) sobreviva a servir à mesa nos restaurantes e cafés os clientes Irlandeses … tu pelo menos estás satisfeito…pobreza de espírito não te falta a compensar a cegueira ideológica.

          Cuidado c a STASI

          • Paulo Marques says:

            Pois, estavam tão bem que deram uma guinada à esquerda que já foi armada. Concordo, têm escolas melhores.

        • Pedro Vaz says:

          Vamos comparar com a Hungria governada quase ininterruptamente pelo partido Fidesz do PAPÃO NACIONALISTA Viktor Orban sim?

          Portugal em 1974 sai de um regime decrépito, isolado e sobre fortes sanções mas com quase divida nenhuma. Com as vantagens de forte endividamento, dinheiro da Europa e connecção aos mercados, finanças e tecnologia Ocidental e Mundial está hoje na cauda da Europa em todos os parâmetros, endividado até às orelhas, a morrer demograficamente, a ser substituído por não-Europeus e sem cultura e identidade nenhuma excepto parolismo AMERDicanizado. O cenário de alguma vez se tornar contribuidor para o orçamento Europeu nem está à vista para as próximas décadas.

          Hungria em 1989 sai de um regime decrépito, isolado e sobre fortes sanções mas com quase divida nenhuma. Sem vantagens de endividamento mas com dinheiro da Europa e connecção aos mercados, finanças e tecnologia Ocidental e Mundial está hoje á frente de Portugal em todos os parâmetros, não tem divida quase nenhuma, o colapso demografico está a ser resolvido, não estão a ser substituídos por ninguém, tem uma cultura e identidade fortes e o cenário de que vão se tornar contribuidores para o orçamento Europeu já está á vista.

          Já agora a unica interrupção á governação do Fidesz aconteceu de 2002 a 2010 pela mão do PS Húngaro, foi tão desastroso, com tanta corrupção e acumulação de dívida que o PS quase desapareceu. O Fidesz ganhou a segunda super-maioria e pagou a dívida toda…

          • António Fernando Nabais says:

            Isso mesmo, ó Vaz, não há como as ditaduras para não haver dívidas e para haver identidades fortes (ui, que expressão tão excitante, não é?). Já que és tão nacionalista, vê se aprendes a escrever “conexão” e “à” (com acento grave, que já vem do tempo do Salazar, o homem da tua vida).

          • Pedro Vaz says:

            Isso mesmo, ó Nabais, uma ditadura a caminho da terceira super-maioria apesar de a maior parte dos médias (que estão na mão de grupos Europeus Ocidentais e AMERDicanos) serem contra ele. Mas se os mesmos médias e comentadeiros de serviço que disseram que a “intervenção humanitária” na Líbia era uma boa idea dizem que o Orban é um ditador é proque é verdade não é? lol…

          • António Fernando Nabais says:

            Lol para ti também. O que são “médias”? Lol, outra vez.

          • POIS! says:

            Pois é!

            Diz o Xô vaz da Hungria:

            “o colapso demografico está a ser resolvido, não estão a ser substituídos por ninguém”,

            Taxa de Natalidade da Hungria 2016 – 9,8 por 1000;
            Taxa de Natalidade da Hungria 2018 – 9,6 por 1000.

            Taxa de natalidade de Portugal em 2018 – 8,5/1000

            Uma diferença colossal!

            Por este andar em breve o espaço vai sobrar na Hungria. Se o oxigénio continuar de borla vão ser muito felizes.

          • Incógnito says:

            “Vamos comparar com a Hungria governada quase ininterruptamente pelo partido Fidesz do PAPÃO NACIONALISTA Viktor Orban sim?

            (…)”

            É pouco Pedro Vaz!!
            Há mais coisas comparáveis que, possivelmente, não queres referir, ou não?

          • POIS! says:

            Pois, e há mais!

            A taxa de mortalidade infantil da Hungria é 29% superior à portuguesa. E a taxa de mortalidade antes dos 5 anos é 16% superior.

            E a esperança média de vida portuguesa é superior em 5 anos.

            Isto de pôr crianças cá é fácil. Dar-lhes saúde é um pouco mais difícil.

          • Paulo Marques says:

            «o colapso demografico está a ser resolvido»

            LOL. Estão todos em fuga e nem Euro têm, imagino se tivessem.

          • Pedro Vaz says:
          • Paulo Marques says:

            -0,25% de pessoas ao ano é resolver o problema demográfico. Certo, Pedrinho, certo.
            https://www.worldometers.info/world-population/hungary-population/

          • POIS! says:

            Pois sim!

            Os meus dados são da PORDATA que se baseia em dados da Comissão Europeia. Mesmo nos do Xô Vaz, que não é claro de onde vêm, a taxa de mortalidade infantil da Hungria é 16% superior.

      • Democrata_Cristão says:

        ” nós Populistas/Nacionalistas somos os revolucionários.”

        Já o Hitler dizia o mesmo

      • E o burro sou eu ? says:

        Acordaste Vaz ?

        Agora não tens tempo de martelar os likes, com tantos clones que tens que alimentar

        • E o burro sou eu ? says:

          Já vi que acordas-te. E os teus likes ou deslikes conforme a tua opinião são logo as duzias. Parabéns.
          Foi com fraude que o Trump ganhou as eleições e os seus discipulos até nisto a usam

          • Pedro Vaz says:

            Fraude? A Rússia é? É interessante ver a esquerdalhada cada vez mais a parecer os neo-conservadores/neo-liberais.

            E não te preocupes com o Trump que ele já foi domesticado. Sabes quantos pretos/castanhos ilegais entraram nos EUA nos ultimos 4 anos? Cerca de 5 milhões…e sem contar os legais. Se o genial e corajoso Nixon não consegui derrotar o poder Sionista nos anos 70 este “beta male” a fazer-se de “alpha” e com uma mente altamente incompleta não o vai conseguir fazer de certeza. Não te preocupes “burro que és de certeza” que o Trump já é dos teus.

          • Paulo Marques says:

            Pois, devias era ver a análise económica se não tivessem entrado.

      • Paulo Marques says:

        Esse dicionário ainda não chegou? Porra para os CTT.

    • Paulo Marques says:

      São? Começa a cansar só de abri-las, quanto mais responder aos não-argumentos para não deixar os proto-fascistas a falar sozinhos e acabar com isto.

  6. Cuidado Com a STASI says:

    Sim foi um belíssimo trabalho, podes limpar as mãos à parede!
    Exemplo Rápido:
    IDH 2000 Portugal : 0,88(28º); Irlanda: 0,925(18º)
    IDH 2017 Portugal: 0,847(37º);Irlanda:0,938(9º)
    Sal.Médio 2018 Portugal: 18362€; Irlanda: 47227€

    Depois admiras-te que a rapaziada em Portugal (a mais bem preparada de sempre) sobreviva a servir à mesa nos restaurantes e cafés os clientes Irlandeses … tu pelo menos estás satisfeito…pobreza de espírito não te falta a compensar a cegueira ideológica.

    Cuidado c a STASI

    • António Fernando Nabais says:

      Estás quase. Só falta comparar com o salário médio, em 1973. Tu é que deves estar satisfeito por haver tantos governos que metem dinheiro em bancos e dão cabo da administração pública. A continuar assim, voltaremos a 24 de Abril, para que fiques contente. Manda-me uma fotografia das tuas orelhas, para ver se condizem com os zurros e com os coices.

      • Cuidado c a STASI says:

        O CARALHO não tinhas dito:
        “…todos fizemos um trabalho magnífico desde 1974 até hoje.”
        Quando te mostram provas do contrário qual é a tua reacção:
        Tergiversas, como é típico dos desonestos comunas como tu.

        cuidado c a stasi

        • E o burro sou eu ? says:

          Outra vez Nazi ?
          Não dizes nada que se aproveite

        • António Fernando Nabais says:

          Cuidado com esses cascos a raspar o chão, que ainda fazes alguma faísca. Lê muito, filho, lê muitos livros de História – se não perceberes alguma coisa, pergunta. E não envergonhes os teus paizinhos, que decerto não te ensinaram a dizer palavrões em público, a não ser que em tua casa isso fosse sempre assim.
          Na minha qualidade de comuna, pergunto outra vez: a Stasi não era a Pide do outro lado? Nem assim lá vais, pois não? Deixa estar. Beijinhos.

  7. Pedro Vaz says:

    Baby Boomers…a Geração Dos Falhados que levou o Mundo Branco-Ocidental á ruína demográfica, cultural, espiritual e económica devia ser proibida de manifestar opinião acerca do que quer que seja e também ser proibida de votar.

    #DayOfThePillow
    #WhateverBoomer

    • António Fernando Nabais says:

      O país está cheio de idiotas e são perigosos.

    • Democrata_Cristão says:

      “a Geração Dos Falhados que levou o Mundo Branco-Ocidental á ruína demográfica, cultural, espiritual e económica devia ser proibida de manifestar opinião acerca do que quer que seja e também ser proibida de votar.”

      Assim está bem nazi.
      Assim já dizes a toda a gente ao que vens

      Tenta que o Ventura diga o mesmo, que nós sabemos que é isso que ele pensa

      • Pedro Vaz says:

        “Tenta que o Ventura diga o mesmo, que nós sabemos que é isso que ele pensa”

        Não pensa de certeza. Ventura é o que nós Nacionalistas De Gema chamamos de “Nacionalista Kosher”. Como Bolsonaro é um homem profundamente marcado pelo teatro dialectico Sionista “Esquerda vs Direita” e pelo pró-AMERDicanismo visto ter-se deixado levar pelo lado “direito” desta forma de controlo mental Sionista. Pessoas como ele e o Bolsonaro são úteis como veículos mas tem profundas deficiências ideológicas.

        • brasuca pro brasil says:

          E tu, és arquenaze ou sefardita ?
          Tens pinta de sefardita

        • brasuca pro brasil says:

          Sefardita Vaz

          Perguntei se eras arquenaze ou sefardita

          Como não respondes calculo que sejas um sionista sefardita

    • Incógnito says:

      És mesmo parvo, não és Pedro Vaz?

    • Paulo Marques says:

      O chato é que até acertas às vezes, antes dos disparates de quem procura a razão na inspiração divina de quem te quer como idiota útil. Nem sequer és capaz, no meio de centenas de posts, como é que esse diagnóstico podia servir para ajudar alguém.
      A não ser em não teres que ver a realidade humana, mas nem aí há milagres.

    • Vítor Cruz says:

      Como é possível o “Aventar” estar a tornar-se um local de frequência tão predominante de nazis /fascistas chamados em Portugal de “nacionalistas. Revoltam-me, embora consiga entender algumas das suas motivações relativamente a algum fracasso do sistema em oferecer verdadeira “democracia transparência e uma sociedade mais justa.
      Tenho 72 anos e pergunto-me: Foi para isto que lutámos em 1969 em Coimbra contra o regime, e depois nas colónias como oficiais militares do exército colonial para derrubar o regime do Estado Novo que mantinha um país paupérrimo e miserável, com 40% da população analfabeta, com 60% da população rural em aldeias sem infraestruturas básicas (energia eléctrica, água canalizada,, instalações sanitárias nas casas, etc.) onde milhares fugiam para arranjar trabalho na França, na Alemanha, na Suiça, no Luxemburgo, etc..trabalhar no duro (quão apreciados eram os humildes trabalhadores portugueses, apesar de analfabetos, perante os patrões estrangeiros, e poupar para que as suas remessas de divisas viessem alimentar a economia do país decrépito, e dar melhores condições de vida para os que ficaram.

      Passaram 46 anos e estes “putos” sem cabeça própria, que nada sabem da vida, vêm para aqui e para outra “blogosfera” com toda a arrogância e ridículo, mas também perigoso “fanatismo”, exprimir ideologias racistas/,fascistas: Esquecem que se hoje têm liberdade para falar e escrever “merdas”, foi porque nós lutámos por essa sua liberdade.
      Bem sei que as suas atitudes reflectem uma forte indignação pela forma como o “capitalismo neoliberal instalado em Portugal e em quase todo o mundo, no pós 2ª guerra mundial, com o domínio das sociedades levado a cabo por grupos económicos e financeiros poderosos, com a conivência dos políticos corrompidos, que de uma forma ou de outra, tem exercido o poder ao serviço daqueles. Mas isso não impede que considere um insulto à minha geração que libertou Portugal há 46 anos atrás ainda que este esteja hoje submetido ao poder dos poderosos.
      Mas isso não se combate com racismos e nacionalismos bacocos. Estudem a história e aprendam com ela. Não esqueçam que o bem maior é a liberdade.que permite por exemplo que esses ditos nacionalistas se expressem livremente.

      Relativamente à dita “democracia” ela é apenas um conceito, A democracia não existe enquanto realidade objectiva. A democracia é um conceito de organização política da sociedade. O que existe no mundo são sistemas de organização do poder uns mais democráticos, outros menos. É pois perfeitamente subjectivo dizer que um sistema político é democrático e outro não. O que se pode geralmente afirmar é que um sistema é mais democrático que outro. Parece, nesta perspectiva, poder afirmar-se, por exemplo, que um sistema de organização social e política europeu, como o da Suiça ou da Holanda é certamente mais democrático que o dos EUA de Angola ou do Brasil, (sistemas de governo presidencial) por múltiplas e algumas evidentes razões.

      Há muita luta sim para levar a cabo no futuro. No passado como hoje. Muita luta por causas fundamentais para o futuro das sociedades: A luta contra a corrupção e o desbaratar de recursos. A luta contra os políticos traidores, que estão ao serviço dos grandes grupos e dos seus of-shores, e não do povo que os elegeu. É preciso lutar contra os oportunistas e seguidistas das juventudes partidárias a quem mais interessa a carreira que a defesa do povo que os elege. É preciso lutar por muito mais “democracia” com intervenção das pessoas e grupos de cidadãos organizados que dá muito mais trabalho do que andar a “cagar postas de pescada” nas rêdes sociais. É preciso obrigar o poder a referendar todas as decisões importantes com o fazem os suiços. É necessário obrigar os políticos a terem políticas nacionais próprias, sim, a não serem meros paus mandados dos grandes interesses geostratégicos quer sejam dos EUA da Rússia, do “sionismo” ou da China e lutar no mundo contra a guerra dos interesses, e dos negócios (Síria, Yémen, Chade, Iraque, Libia, etc., etc.,,). Eu sei que a organização do Mundo está inquinada, poluída corrompida e tem que ser mudada e que vos cabe a vocês novas gerações esse papel. Mas nunca tal poderá ser feito com o retorno aos extremismos nazis/fascistas que mancharam de sangue todo o Mundo. O novo sistema de organização política e social terá sempre que basear-se em mais “Democracia” e garantir aos cidadãos o bem e valor mais importante para a sociedade e os seus indivíduos: A liberdade.
      Como disse antes a “democracia” na realidade não existe, em termos objectivos. A democracia é um conceito, civilizacionalmente o mais avançado conceito na organização política das sociedades humanas, onde geralmente, na prática, a sua eficácia e implementação tem subjacente a ideia de os membros de uma determinada sociedade terem solidariamente níveis de desenvolvimento social e cultural adequados a tal desiderato.

      Lutar contra o sistema instalado no mundo onde predomina o neoliberalismo e um poder financeiro mundial, é lutar contra a corrupção e por mais transparência e democracia. Só este pode ser o rumo das novas gerações e não o aventureirismo nazi/fascista de seguir um “lider” dito “nacionalista” sem escrúpulos nem coerência usando o caminho fácil da denúncia e combate à corrupção e nepotismo existente.
      Exigir e lutar por mais democracia é um caminho mais difícil e que dará muito trabalho, mas é o passo em frente nas sociedades contemporâneas.
      Derrubar o regime ditatorial fascista do Estado Novo foi a herança que tínhamos de deixar aos nossos filhos. Agora lutar por um sistema mais democrático menos corrupto e mais transparente é a tarefa que vocês jovens, têm que deixar aos vossos filhos. Bora lá.
      Se querem uma voz para o vosso descontentamento contra a corrupção e a submissão aos interesses estrangeiros, não precisam do “falso” e oportunista André Ventura, pois têm o Prof. Paulo Morais, uma voz muito mais credível e empenhada na verdade e que além do mais é um democrata. Sejam dignos do nosso passado e respeitem a História da Humanidade. Em nome dos vossos filhos.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.