Strange Case of Dr Jekyll and Mr Hyde

Comments

  1. Paulo Marques says:

    Não sei que processo usam para colocar imagens, mas ficam sempre difíceis de ler.

    • João L Maio says:

      Ora veja lá se está melhor assim.

      Se não for o caso, tratarei de ver a questão com os meus colegas.

      • Paulo Marques says:

        Está, mas não é ideal. Deve haver configurações ou plugins para automatizar, que mudar à imagem também não é ideal.

  2. Filipe Bastos says:

    Como disse o Paulo, as imagens são sempre uma desgraça.

    É o WordPress que as reduz. Abrindo a imagem com botão direito vê-se que é enorme, mas depois o WP faz ?resize=150,131 i.e. 150px largura por 131px altura. Minúscula.

    Basta desabilitarem este resize ou forçar max-width:100% para ocupar toda a largura disponível. A menos que seja deliberado, para tramar a malta que vê mal.

    • João L Maio says:

      Filipe,

      O que disse em cima ao Paulo Marques.

      Veja lá e diga de sua justiça. Isto das imagens, nas “curtas”, é um pau de dois bicos.

      • Filipe Bastos says:

        Embora ainda algo pequeno está melhor, João. Ideal seria desactivar o resize forçado, só atrapalha.

  3. POIS! says:

    O filme promete!

    Parece que, no final, o protagonista se transmuta em gelatina e é comido por, pelo Menos, um batalhão de seguranças das discotecas saído do ginásio, em pleno regime de emagrecimento forçado pela pandemia.

    Let’s look at a traila…

  4. Paulo Marques says:

    Já tinha visto no Twitter antes do post…
    A parte curiosa não tão evidente é que também se percebe, à semelhança de outros lá fora, o quanto realmente são a favor do mercado livre e da não interferência do estado.

  5. Carlos Araújo Alves says:
    • POIS! says:

      Sim senhor, fica muito mais visível…

      …que o Venturoso Enviado é um parvo.

      Obrigado, Carlos.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.