Vacinação no Porto – condições deploráveis

Depois de acompanhar a minha tia com 95 anos por duas vezes e de ter sido vacinado sempre em condições dignas e próprias, ontem fui surpreendido pela falta de condições e de tratamento digno no Centro de Vacinação COVID-19 – ACeS Porto Ocidental.
Vamos por partes:
1 – chegámos meia-hora antes à entrada e disseram-nos que a caserna de atendimento distava cerca de 500 metros, sendo melhor ir de carro. Assim fizemos, mas as pessoas com mais de 80 anos e muitas com mais de 90 que não tinham automóvel lá foram, ou não, como puderam;
2 – Chegados à entrada entregaram o usual questionário para responder sem ter onde sentar a minha tia nem tirá-la da corrente de ar. À entrada e de pé!
3 – Preenchido e entregue o papel mandaram-nos para uma fila desabrigada para a triagem.

Centro de Vacinação COVID-19 – ACeS Porto Ocidental

4 – Chegados à triagem 20 minutos depois, disseram à minha tia que iria tomar outra dose da vacina da Pfizer quando tinha sido convocada para tomar uma contra a gripe. Apesar da idade, ela disse que estava lá para tomar a da gripe ao que a menina respondeu: não, é a 3ª dose contra Covid e se não quiser tomar não lhe marcamos a da gripe!!!
5 – a minha tia calou-se e mandaram-na para outra fila para esperar que fosse chamada para a inoculação. Foram mais cerca de 40 minutos ao tempo, sem os idosos terem onde se sentar!!
6 – Chegados ao momento da inoculação foi bem atendida e encaminhada para uma sala com tecto para o recobro.
É inaceitável sujeitar as pessoas a estas condições, em particular os idosos, que têm dificuldade em caminhar, em estar tanto tempo de pé, muitos em respirar e, apesar de não fazer frio, deixá-los tanto tempo num local desabrigado!
Seria assim tão difícil adaptar uma das muitas casernas desertas para que os idosos pudessem aguardar pela sua vez resguardados do tempo e devidamente acomodados?
Não sei se isto tem alguma coisa a ver com a saída do Vice-Almirante Gouveia e Melo do comando da vacinação, mas que foi muito diferente, foi, muito perto de um país de terceiro mundo!

Comments

  1. estevesayres says:

    Não tenho muito a dizer, mas pelos visto, estão mais preocupados com aprovação do OE 2021 , do que as vidas dos idosos…

  2. Jorge H says:

    O mais grave em tudo isto, aliás gravíssimo, é a imposição da vacina c19 utilizando como coação a recusa da vacina da gripe. Tudo isso tresanda a procedimento passível de processo criminal.

  3. Paulo Marques says:

    Espero que se torne público e investigado, é tudo inaceitável.


  4. é um quartel militar, não me surpreende a falta de meios e a forma de atedimento

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.