A minha vizinha chama-se Ruth Marlene

Citação 1

 

“A vizinha afinal é que teve coragem. Fez nu frontal. Ninguém queria, ninguém queria, mas ela… Foi ela que o fez.”

Habitante de Lagoinha, vizinho de Ruth Marlene.

Citação 2

 

‘O MEU TEMPO DE BELEZA ESCULTURAL JÁ PASSOU’

 (Ágata, cantora)

 

Como Se Fora Um Conto – A Vizinha

A VIZINHA

Qualquer pessoa que esteja no sítio certo, à hora certa, tem a possibilidade de testemunhar uma parte da história de todos nós.

Todas as histórias deveriam começar por “era uma vez…”.

Esta não foge à regra.

Era uma vez uma rua que tinha uma rotunda mesmo ao fundo, e que tinha o nome de uma cidade do Magrebe.

Por lá parávamos, todos os fins de tarde em amena cavaqueira, o Zeca do gás, meu saudoso amigo que partiu cedo na vida e de quem todos gostávamos, eu e mais um ou outro companheiro, mesmo à porta do João da padaria.

Esta rua, que tinha o nome de uma cidade do Magrebe, era uma rua onde nunca se passava nada. Era uma rua amorfa.

Bem, não totalmente. Durante cinco minutos em cada dia, de segunda a sexta-feira, e sempre ao fim da tarde, alguma coisa mexia. . .

[Read more…]