"HOMENS CONTRA A VIOLÊNCIA"- MANIFESTO

HOMENS CONTRA A VIOLÊNCIA

LANÇAM DIA INTERNACIONAL DE ELIMINAÇÃO DA VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERES 25 DE NOVEMBRO

Mal vai uma sociedade quando 39 mulheres morrem até Novembro vítimas de violência domestica.

Mal vai uma sociedade quando uma organização constituída por homens tem que reagir firmemente, para demonstrar a todos que é possível relações íntimas construídas sem violência física ou psicológica. Sem agressões e “justificações” injustificáveis como “sempre foi assim”, “não há casa onde o sol não entre” ou mesmo “entre marido e mulher não metas a colher”.

Chega de “justificações” que, literalmente, matam. Porque minam a Justiça, porque tende a justificar em vez de punir. Porque minam as autoridades porque tendem a contemporizar e a “tentar” mais uma vez quando é preciso dizer basta. Porque minam a vizinhança, tornando-nos espectadores quando deveríamos ser todos interventores.

E não basta a retórica da importância das Mulheres como inspiradoras, como sensíveis, como musas … é apenas mais uma inconsistência com que temos que lutar. Essas musas, essas mulheres fundamentais na criação apenas corariam de vergonha se descobrissem que, em 2010 e em Portugal, morre quase uma mulher por semana, muitas ficam marcadas na carne e milhares se encontram agrilhoadas por um indescritível pânico.

HOMENS CONTRA A VIOLENCIA declara que todo este padrão não é “natural” e muito menos de “homem” e manifesta a sua indignação. HOMENS CONTRA A VIOLENCA é uma organização humanista, i.e., claramente contra todas as formas de discriminação baseadas no sexo, na raça, na orientação sexual, na aparência, e na diferença, e acima de tudo, naturalmente feminista, na defesa intransigente da igualdade que deveria ser tão natural como indiscutível.

Este 25 de Novembro, DIA INTERNACIONAL DE ELIMINAÇÃO DA VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERES, vamos mostrar a nossa indignação COBRINDO AS ESTATUAS FEMININAS NO CENTRO DE SETÚBAL. A grande Luisa Todi, a musa de Bocage, as estátuas da Fonte do Mercado, se lhe pudéssemos dar vida, protestariam contra a HIPOCRISIA.

No dia 25, entre as 12 e as 14 horas HOMENS CONTRA  A VIOLENCIA, juntamente com a Prima Folia, Departamento Federativo das Mulheres Socialistas de Setúbal, a UMAR e a SEIES, vai realizar uma acção onde, PARA ALÉM DE ANIMAÇÃO DE RUA VÃO COBRIR AS ESTATUAS FEMININAS NUMA ACÇÃO DE PROTESTO CONTRA A VIOLENCIA (PRAÇA DO BOCAGE /AVENIDA LUISA TODI)

Deixar uma resposta