Excelência cívica


Na disciplina de corrupção passiva, fraude fiscal qualificada, branqueamento de capitais e abuso de poder os alunos só podem ter razão para obterem as melhores as notas…

Esta desfaçatez é apenas suplantada pela falta de exigência cívica dos seus eleitores. Cada autarquia tem os mestres que merece.

Comments

  1. JgMenos says:

    Anda pior gado por aí sem incómodo ou menção.

  2. :) :) :) says:

    E segundo consta, o Concelho de Oeiras é um dos mais escolarizados do país.
    Podemos imaginar como é o resto da Nação.
    “Gosto muito de Portugal. O que me chateia mesmo, são os portugueses….”

  3. Paulo Só says:

    Ser Presidente da Câmara de Oeiras deve ser realmente um doce. Quando eu tiver cumprido a minha pena de cadeia vou também candidatar-me, como independente. Independente da cadeia, claro, e convido o juiz para meu padrinho de casamento.
    Mas como é que um gajo pode ser casado e independente? Romper é uma coisa, para corromper são precisos dois? Todas estas perguntas me deixam sem sono. O povo é que anda a dormir de olhos abertos. E não há candidatos do PSD e CDS?

  4. Augusto says:

    Que vergonha ! Um cadastrado como Presidente da Câmara !!!

  5. Ana Moreno says:

    Além disso, tal como fez por ocasião da sua condenação, este sr. continua hoje a difamar a Justiça:
    “Autárquicas: Tribunal de Oeiras rejeita candidatura de Isaltino Morais, que vai recorrer. Em conferência de imprensa, Isaltino Morais confirmou que já foi notificado pelo Tribunal e garantiu que cumpriu a lei e, por isso, vai recorrer, levantando ainda suspeitas de que a decisão do juiz poderá estar relacionada com relação de amizade com o atual presidente da Câmara de Oeiras e também candidato, Paulo Vistas.” http://www.dn.pt/lusa/interior/autarquicas-tribunal-de-oeiras-rejeita-candidatura-de-isaltino-morais-que-vai-recorrer-8693380.html
    Pois que recorra, está no seu direito; Mas como pode uma pessoa que faz tais insinuações, demonstrando absoluta falta de respeito pelos órgãos de soberania, ser presidente de uma câmara??????????

    • Paulo Só says:

      Tenho a píor impressão desse cavalheiro, de cujas obras me limito a conhecer as que concorreram para destruir todo o litoral do seu concelho para aí construir uma garagem de barcos, meia dúzia de abarracamentos e uns tanques, Mas lamento não partilhar a boa impressão que tem da justiça, desde o saudoso Caldeira que obrava na Boa-Hora. Os juízes da nossa democracia, não todos certamente, me parecem partilhar a mesma vida de muitos políticos, jornalistas e construtores civis.
      É um tu cá, tu lá, que mais toga menos toga me deixa mais cético que crente.

      • Ana Moreno says:

        Poderá até ser que tenha razão, Paulo Só, não sei, mas prefiro acreditar que na Justiça há justiça e imparcialidade, porque senão dá-me vontade de me deitar ao mar. Agora sei é que esta insinuação é extremamente reveladora da forma como este sr. pensa e funciona. Não aprendeu nada e quem votar nele é conivente e gosta de viver numa sociedade injusta e aldrabona.

  6. Na mouche says:

    Na mouche!!! e ao cuidado de todos os srs. juízes…
    31.000 proponentes? Desculpem mas não acredito, só vendo!
    https://otempodascerejas2.blogspot.pt/

  7. Rui Naldinho says:

    Esta gente vive alegremente na “impunidade”. Sim, que aquela condenação de dois anitos, com metade em casa, e a outra metade na choça, foi tirada a ferros, depois de tanta porcaria ele ter feito! Mas pronto, é o que temos…
    Mas o País, aquele que se julga acima de qualquer suspeita, devia comportar-se melhor, com mais exigência, mais rigor, sensatez. Mas não. Esse país institucional encarrega-se de lhe dar alibis, para que o mesmo se torne numa vítima, ou pior ainda, num herói da negação. (ler artigo no EXPRESSO, de Daniel Oliveira).
    Mas passa pela cabeça de alguém, um Juiz, pretensamente padrinho de casamento de um dos candidatos que se lhe opõem, ser ele a decidir se Isaltino Morais pode ou não ser candidato a Oeiras?
    Isto só mesmo no Brasil!

  8. Ana Moreno says:

    Inacreditável é também a forma como a RTP, no programa de notícias 360°, reporta longamente sobre o assunto dando voz a um comentador extremamente repetitivo e passando repetidamente (5 vezes?) os cartazes e imagens de propaganda de Isaltino, como se pretendesse metê-los à força na cabeça do telespectador – http://www.rtp.pt/play/p2044/360

    • Rui Naldinho says:

      Depende sempre de como se transmite a notícia. Se a exibição do Cartaz for acompanhada de um rol de “insinuações sobre os feitos do rapaz Isaltino”, talvez as pessoas se lembrem de que o País chegou até aqui, por causa do Isaltino, Velentino, Socratino, e outros que não terminando em “ino”, nos deixaram a “piar fino”!
      Se aquilo for transmitido numa espécie de Ode ao Isaltino, acredito bem que muito néscio vá a correr votar nele, pensando que o D. Sebastião chegou mesmo a horas para nos salvar das agruras da Europa.

      • Ana Moreno says:

        As imagens encaixam mais no S. Sebastião, mas em todo o caso é uma prova cabal da pobreza da qualidade da informação passada, tipo pastilha elástica. Espremida reduzir-se-ia a um décimo do tempo usado.

  9. :) :) :) says:

    Suponho que a Ana Moreno não é deste tempo…

    Mas nem queira saber quantas vezes deram na RTP ( mais conhecida pela Raios Te Partam) o venerando Chefe do Estado!
    UUUFFF !
    O Menos é que ficaria contente!!

    • Ana Moreno says:

      :-):-):-)

      • Paulek says:

        Por alguma coisa o sr. Isaltino presidente da câmara era conhecido como “o senhor 7° andar! “. Mas se calhar as pessoas de Cascais nem se importam muito com as corrupções destes corruptos, a começar pelo actual presidente, que certamente ficará conhecido a partir de agora como “o padrinho do casamento do juiz” que lhe tirou a ora nojenta concorrência da frente. Haja decoro, valha-me N. Sra. do Carmo!!!

  10. Paulo Só says:

    Acho que andamos a fazer propaganda a esse energúmeno. Isto é um aviso: qualquer gajo, mesmo tendo feito prisão por falcatruas tem futuro político desde que agrade aos débeis mentais que andam por aí fartos de discursos oficiais. Enquanto que for da Câmara de Oeiras não vem daí grande mal. Mas quando for para Primeiro Ministro vai ser mais chato. Vejam o que aconteceu nos EUA com a eleição do Grande Mentecapto. Ou na Inglaterra com o Brexit. Ninguém está a salvo de um desastre desses.

  11. Carlos Alves says:

    A vergonha em Oeiras só justificada pelo nível de abstenção alto no concelho. As novas gerações, e os chamados “cultos”, (dizem ser o concelho mais qualificado), não votam, deixando as urnas aos idosos e aos emigrantes. Concelho maioritariamente PSD sofre ainda da divisão profunda desse partido moribundo nas mãos de Passos Coelho.

    • Ana Moreno says:

      Pode ser Carlos Alves, pelos vistos esses supostos “cultos” não aprenderam nada sobre cidadania. Quanto aos emigrantes, não creio que se possa generalizar. Há-de haver de tudo em todos os grupos. Mas se esse sr. subir ao poleiro, serão todos responsáveis, os que votam e os que não votam. E nós todos ficaremos mais pobres de esperança.

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s