Liberal-fascismo não-democrático voltará a governar Itália

Depois de Mário Monti, eis que Itália se prepara para ser novamente governada por um tecnocrata da escola do FMI. A democracia italiana vive dias arrepiantes.

Comments

  1. Ernesto Martins Vaz Ribeiro says:

    Nós inventamos cada uma …

    O CDS e o PSD chamam à nossa esquerda, esquerda radical e nós, entretemos-nos a chamar “direita” a estes fascistas, uns reciclados e outros, recauchutados…

    Tal como em Itália, esta direita que ataca sem cessar as conquistas da democracia, são neo-fascistas reinventados e travestidos de conceitos “democráticos” que assassinarão mal tenham o poder.

    Deixemos de ser politicamente correctos 🙂

  2. Bento Caeiro says:

    Estamos, desde há uns tempos para cá, com um grande problema – acho eu.
    Face ao convencimento, quase universal, a nível dos poderes, de que não há alternativa ao sistema actual – caracterizado pela subjugação ao neoliberalismo, aos mercados e à globalização – alguns poderes e países têm tentado outras opções.
    Certos caminhos apontam para sistemas intolerantes, negando praticamente tudo os que lhes lembrem democracia; contudo, alguns, porque de natureza nacionalista, apontam para caminhos nos quais os países e nações tenham algo a dizer.
    No caso de Itália, o governo que não o chegou a ser apontava neste sentido, contudo foi prontamente apelidado de populista por todo o tipo de forças – esquerda, centro, direita – e, com este apoio, os antes falados – onde campeia a intolerância – avançam.
    Daí eu ter começado por dizer, que estamos com um grande problema, porque ao se rejeitar soluções de natureza nacionalista, mais não estamos que apoiando os defensores do neoliberalismo e da globalização.
    Ou então, não sabemos o que queremos e é melhor para nós?

    • Paulo Marques says:

      Ora bem, quando tudo o que não é Globalista é nacionalista… E, já agora, o país do sol que não nasce para pedintes da dívida fica no último grupo, certo? Pois…

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.