Cá se fazem…

O Presidente da República classificou esta segunda-feira de “falta de senso e falta de gosto” o veto governamental, em 1992, da candidatura da obra de José Saramago O Evangelho segundo Jesus Cristo ao Prémio Literário Europeu. [Público]

Cavaco afirmou, entretanto, que não iria comentar por estar na hora de ir nanar. Mesmo assim, ainda referiu que não lê jornais e que quer é que o deixem trabalhar.

Comments


  1. Sousa Lara, Santana Lopes, Cavaco Silva.
    Acho que ainda não me esqueci dos nomes.

  2. cavaconuncamais says:

    O Chaparro de Boliqueime sabe lá quem foi Saramago !

  3. Rui Naldinho says:

    Marcelo: veto de Cavaco a Saramago foi “falta de senso” e de “gosto”.
    Chama-se a isto, à boa maneira portuguesa:

    “ Uma enrrabadela com vaselina”

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.