As virtudes da Santa Inquisição

SI

Quando me deparei com o artigo de opinião do padre Gonçalo Portocarrero de Almada, não fiquei particularmente surpreendido. Vivemos tempos em que a defesa do fascismo, da tortura e da perseguição de minorias viraram moda. Que o digam os presidentes dos EUA e do Brasil, bem como a extrema-direita que vai fazendo pela vidinha um pouco por toda a Europa. Felizes de nós, portugueses, que só cá temos fascistas palermas, sem ponta por onde se lhes pegue.

Não obstante, o senhor padre Almada decidiu fazer a defesa apaixonada da Inquisição. Não que o devamos levar muito a sério, ou não estivéssemos perante o mesmo cronista que, recentemente, afirmou que Maria, mãe de Jesus, foi a primeira astronauta da história da humanidade. Mas parece-me que se abre um precedente perigoso, quando um padre-cronista, que se diz seguidor do mesmo Jesus que (alegadamente) pregou o amor, tenta branquear o totalitarismo assassino da Santa Inquisição. Diz-nos muito sobre o amor que o clérigo defende, que se assemelha bastante ao defendido por outros clérigos da zona do Médio Oriente.

O que se seguirá? Uma ode ao humanismo da PIDE? O elogio da escravatura? O inestimável contributo do “trabalho que liberta” para a emancipação dos judeus? As virtudes de fatiar jornalistas incómodos numa embaixada saudita? As invasões de Estados soberanos como meio para atingir o desenvolvimento social e humano no Iraque e no Afeganistão? Só Deus sabe.

Comments

  1. JgMenos says:

    Até onde se lê, o padre invoca o que de essencial a ciência invoca na diferenciação entre o Homem e a Besta – a Palavra.

    E a Palavra só com Verdade garante essa diferença.

    Que isso seja uma inconveniência para as bestas esquerdalhas que se alimentam de mentiras, não surpreende.

    • abaixoapadralhada says:

      O padreca é um nazi retrógado, como tu, ascoroso salazarista menor

    • abaixoapadralhada says:

      ” bestas esquerdalhas que se alimentam de mentiras,”

      Então a treta de que a mulher do carpinteiro, teve um filho de um espírito, o chamado “Espirito Santo ” e mais tarde “subiu ao Ceu”, o que é ?
      Eu digo-te: Não é uma mentira, é uma fraude completa

      • Lu Pisarro says:

        Vai blasfemando a vontade que teu fim será muito triste e pavoroso.
        Não se zomba do Espírito Santo.
        É o único pecado sem perdão, segundo a Bíblia.
        Tenho pena da tua alma quando faleceres.
        Coitado de ti, triste fim.

        • abaixoapadralhada says:

          Blasfemia.?
          Não admira que esse desgraçado país tome o rumo que tomou.
          Blasfemia ?

          Ainda estão na idade Média

          São coisas que convém esconder antes que o povo descubra que o rei vai nu e os fundamentos dos cristianismo são uma mentira pegada, uma fraude completa

          Se não fosses tão ridiculamente fascista, eu é que tinha pena de ti, cassete retrogada

          “Tenho pena da tua alma quando faleceres.”

          Alma têm os sapatos para não dobrarem,

          O Espírito Santo, já era um vigarista já há 2000 anos.
          Deixou descendência que actualmente ainda rouba os portugueses. Ate um banco tiveram


        • Lu, aqui quem tem zombado é mesmo o Espírito Santo.
          Ele zomba de todos nós.

        • Democrata_Cristão says:

          Segundo a Dona Luzinha:

          “Vai blasfemando a vontade que teu fim será muito triste e pavoroso.
          Não se zomba do Espírito Santo.
          É o único pecado sem perdão, segundo a Bíblia.
          Tenho pena da tua alma quando faleceres.
          Coitado de ti, triste fim.”

          Com gentinha medieval que escreve prendas como esta, que eu há mais de 50 anos não ouvia ninguém dizer, percebe-se como um Capitão de Jagunços conseguiu ser votado Presidente da Republica.

          O fanatismo daquela gente é assustador

        • José Peralta says:

          Ó lu piçarro ! Não se zomba do Espírito Santo ?

          Lá no “teu” Brasil do bolsonaro, a iurd é que “mama” o dízimo dos pacóvios que acreditam nos “milagres” do vigarista, criminoso e multimilionário edir macedo !

          Cá em Portugal, foi o Espírito Santo que zombou e mamou as economias de milhares de portugueses…

          Mas…ó Luluzinha, vai pagando o teu “dízimo”, que quando chegar a hora, vais de foguetão e direitinha para o “o paraíso” !

          A NASA, tem uma sociedade funerária com esse bandido que baptizou…”O OUTRO” !!!!

        • Paulo Marques says:

          Já não bastava ter que aturar o JC, ainda tinha que levar com a Luzinha? Porra, venha o inferno, estasse em melhor companhia.
          E com melhor música, com Mozart e Mercury aguenta se bem a eternidade bem mais fresquinha do que para quem cá fica.

      • JgMenos says:

        Agora que a canzoada cevou a sua raiva na Lu – a quem estes devotos da fé esquerdalha negam o direito à fé religiosa – vamos a contas.

        Não falo, não me interessa, não cultivo, não me ofende, a fé religiosa.
        São coisas de outro mundo, eu ocupo-me deste mundo.
        Daí que a fé esquerdalha, falsa nos pressupostos e desonesta nas motivações, me mereça o que venho dizendo.

        E só brutos ignorantes não reconhecem que a sabedoria humana se foi acumulando por largo tempo sob a capa do divino, por uma simples razão: o grau de ignorância, o volume do inexplicável era de tal dimensão, os créditos da Razão humana eram tão escassos, que só a comunicação com o divino a justificava e validava.

        Mas a arrogância da cretinagem no presente, só tem justificação: A Palavra não chegou a muita besta.

      • Paulo Marques says:

        E depois estava com saudades e desceu no Alentejo, tal era a saudades da nossa azeitona.

  2. JgMenos says:

    E note-se este treteiro que vem condenar a invasão de estados soberanos que treinam terroristas para espalharem o terror pelo mundo – que belo espírito!

    E interroga-se sobre o que se segue, inumerando os pap

    • Paulo Marques says:

      Vou citar um antigo sábio:
      “E a Palavra só com Verdade garante essa diferença.”

      Porque nem o Iraque nem o Afeganistão são a Arábia Saudita.

    • Democrata_Cristão says:

      O que é que foram os cruzados, senão isso mesmo.
      Só que no sentido inverso.


    • ” estados soberanos que treinam terroristas para espalharem o terror pelo mundo ”
      Isso é o quê? Templários, ou algo assim.

  3. JgMenos says:

    ..ões que sempre usa a esquerdalhada para colocar noutros os estigmas que recusam associar à ideologia que professam.

    A sem vergonha que se alimenta de chavões e nunca discute coisa alguma com verdade e decência.

    • Paulo Marques says:

      Vai-se a ver e até os escravos deviam estar gratos por pertencerem à exploração capitalista.

    • anticarneiros says:

      Disse o JgMenos

      “A sem vergonha que se alimenta de chavões e nunca discute coisa alguma com verdade e decência.”

      Torna a reler todo o lixo que colocas, para te reveres nesta tua frase.

  4. José Peralta says:

    Ó “menos” !

    Estou siderado ! Três comentários, três aflitivos comentários, (além dos que se vão seguir…).

    Se dúvidas AINDA houvesse sobre o teu “pensamento democrático”, esta seria a “confirmação” de quem tu és, dos chavões de que te alimentas sem vergonha, sem verdade e sem decência…

    A Palavra, que não a Verdade, ó “menos”, mas a Mentira de que abusas, para “colocar noutros”, os estigmas da ideologia direitalha que professas !

    Estás mesmo aflito ao veres a(s) tua(s) “verdade(s)” a irem pelo cano !


  5. “o senhor padre Almada decidiu fazer a defesa apaixonada da Inquisição.” – Não, não faz nada disso. Afirmação totalmente falsa.


    • Claro que não. Apenas defende que a inquisição era boazinha. Ás vezes até dava ferias aos condenados por heresia.
      A inquisição espanhola matou apenas 3000 pessoas, foi poucochinho. O Estaline matou mais.
      Mas esse ultimo raciocínio é algo estranho. Faz com que Jack O Estripador, por ter morto apenas cinco mulheres fique com uma aura de santidade, já que a Santa Inquisição, sim eles chamam-lhe Santa, não se ficou com um numero tão modesto.

  6. Lu Pisarro says:

    Este João Mendes é uma piada 😅
    Eu sou brasileira. Eu, assim como quase 60 milhões de brasileiros votamos e apoiamos o nosso Presidente Jair Messias Bolsonaro.
    Ele está fazendo um excelente governo!
    Ele é sua brilhante equipe de Ministros e colaboradores, estão “consertando” e arrumando o Brasil depois dos roubos e saques dos governos esquerdistas anteriores.
    Cujo líder, o bêbado ladrão, está preso há mais de 1 ano.
    Este João Mendes é um alienado.
    Apenas isto.
    #Bolsonaro2022

    • João Mendes says:

      Antes piada que pedófila como tu, Lu 😱

      • Lu Pisarro says:

        Até parece… Baseado em que falas está mentira, seu idiota?
        Ao me acusar estas dizendo quem tu és.

        Sou totalmente contra a pedofilia e similares.
        Eu falei sobre o nosso amado Presidente que é chamado de “facistas” por vocês alienados e mentirosos.
        Não diga coisas que não conheces.
        Inverdades!
        Quase 6 Portugal (eu disse 6) votaram no Bolsonaro.
        Achas pouco? Só rindo mesmo… 😅

        • abaixoapadralhada says:

          Se calhar 60 milhões de atrasados que acreditam no Espirito Santo como tu

          • Lu Pisarro says:

            És um coitado, e não mereces atenção.
            Portanto não mais te responderei.
            Podes falar as tuas asneiras a vontade

          • abaixoapadralhada says:

            Diz a cassete desregulada, chamada de Lu

            “És um coitado, e não mereces atenção.
            Portanto não mais te responderei.
            Podes falar as tuas asneiras a vontade”

            Tu é que acreditas nas tretas do Espírito Santo, da mulher casada que ao mesmo tempo era virgem e teve um filho de um Espirito Santo, e eu é que sou um coitado. Os fanáticos religiosos ainda estão ao nível do tempo da Inquisição, mas infelizmente para eles já não existe e a Igreja cada vez conta menos.

            Fico muito preocupado por não mais me responderes.
            Já ficava muito mais aliviado se fizesses o mesmo para o Blog,que não precisa de admiradores da Santa Inquisição


        • “Quase 6 Portugal (eu disse 6) votaram no Bolsonaro.
          Achas pouco? Só rindo mesmo”

          Também podia dizer algo como: Votaram no Bolsonaro Uma França, 12 Dinamarca, 100 Luxemburgo ou 200 Islândia. Não seria isso a impedir que o Bolsonaro já seja uma anedota a nível internacional.

    • Carlos Almeida says:

      Diz a badalhoca Lu

      “Este João Mendes é uma piada”………
      ….
      “Este João Mendes é um alienado.”

      Não sei se é uma piada ou alienado, decide-te

      Uma coisa é certa. Brasuca fascista de certeza que não é

      • Lu Pisarro says:

        Deixei bem claro. Ele é as duas coisas.
        Leia com atenção outras vezes, talvez entendas…
        Ou vou precisar desenhar?? 😅

        • Carlos Almeida says:

          Uma mula sabe desenhar. ?
          Estás cheia de piada hoje, não é só o João.

          • POIS! says:

            Pois!

            Pode acontecer, e a prova é que a Lucinha Pissarro tem uma vasta obra pictórica, estando inclusivamente representada em vários museus. Um dos seus quadros mais famosos representa o Bolsonaro sentado na sanita a ler o livro do Coronel Ustra “Introdução à Tortura”, com um calendário ao lado, riscado nos dias ímpares.


        • …Eta nóis, tanta lu-zinha hoje por aqui que mais parecem pirilampos mas fedorentos :((
          para além de serem divertidos : ))
          o que merece que a Lu-zinha como ‘patriota brasileira receba esta prenda :

          ” «A Amazónia é a maior floresta tropical do Mundo e dela depende o que resta de equilíbrio ambiental no planeta.
          Alberga um terço da biodiversidade mundial, para além de povos indígenas milenares que são a principal barreira à devastação da área florestal amazónica.
          Hoje, mais que nunca, estão ambos em risco. Indígenas e floresta sofrem a mesma ameaça do agronegócio e da exploração mineira do Brasil.

          Os alertas sucedem-se. Um editorial do jornal britânico “The Guardian” deste mês pedia uma tomada de ação da Europa, enquanto dava conta da escalada da desflorestação: julho será o primeiro mês em cinco anos em que o Brasil perde uma zona florestal equivalente à área metropolitana de Londres. E muita desta atividade está a acontecer em reserva indígena, à medida que o Governo brasileiro legitima esta devastação. Não é por acaso que o presidente de extrema-direita, Jair Bolsonaro, retirou a delimitação destas reservas à Fundação Nacional do Índio para a entregar o Ministério da Agricultura. Não é por acaso que as instituições e ONG de proteção ambiental estão a ser desmanteladas por falta de fundos e as inspeções oficiais reduzidas em 20%. Não é por acaso que o número de produtos agrotóxicos legalizados disparou desde 2015.

          E também esta semana a relatora especial da ONU para os povos indígenas, Victoria Tauli-Corpuz, denunciou a violência das ocupações das terras indígenas por exploradores ilegais de minério, legitimadas e incentivadas pelas posições do Governo de Bolsonaro. Estas declarações foram motivadas pela denúncia, por índios Wajãpi, do assassinato do seu líder, Emyra Wajãpi, na sequência de um ataque à aldeia Mariry.

          A Amazónia não é o quintal de Bolsonaro. O que está a acontecer no Brasil é assunto nosso também. A destruição de povos indígenas e de património da Humanidade é assunto nosso também. É de toda a gente.

          Termino com as palavras de Tauli-Corpuz: “Espero que países da Europa que fecharam esses acordos comerciais relembrem ao Brasil as suas responsabilidades e compromissos com os direitos dos indígenas, assim como com a proteção da Amazónia. A proteção da Amazónia não é apenas um assunto do Brasil. Mas para todo o Mundo”.

          Está em curso uma matança. Vamos ficar a assistir?»

          Mariana Mortágua

          • JgMenos says:

            Ora bota aí uma petição para acrescer o IVA em benefício da Amazónia.
            Só treta é pouco!

          • abaixoapadralhada says:

            “Ora bota aí uma petição para acrescer o IVA em benefício da Amazónia.
            Só treta é pouco!”

            Merda e mais merda, oh negativa personagem

            Não dizes nada de jeito

  7. Titu Adrianus says:

    A Igreja Católica, de que este espantalho Portocarrero faz parte, escriba no jornal de Extrema-Direita on-line O Observador, a par dos Crimes que através da Inquisição praticou, durante 3 séculos, é a mesma que apoiou as Ditaduras Fascistas de Salazar, de Franco, esteve do lado de Mussolini, nunca criticou o Nazismo e o seu Holocausto, apoiou os regimes sanguinários e fascistas de Pinochet, dos generais facínoras da Ditadura Argentina, doa Ditadura militar do Brasil, das outras Ditaduras na América Central (Nicarágua, Panamá, Guatemala, etc), do criminoso Strossner do Paraguai, e hoje apoia essa sinistra figura fascista que é o Bolsonaro (defensor da Ditadura militar brasileira e da tortura que praticou e simpatizante de Pinochet – um patife que hoje é PR do Brasil!) e por cá está sempre do lado da Direitalha mais reaccionária.
    Portocarrero, esse cronista da Igreja no Observador, escarra umas tantas provocações e imbecilidades. A criatura é abjecta.
    O Catolicismo, sobretudo hoje, nada tem a ver com o que o dito Jesus, à época, defendia. Ressuscitasse Ele hoje e correria à chicotada estes padrecas e outros tantos trastes representantes desta Igreja Católica como fez com os Fariseus no Templo de Jerusalém.
    A Igreja de hoje e por cá prefere um Banqueiro a um precário. É que um Banqueiro sempre o convida e lhe paga uma belga malga num restaurante de luxo e o convida a benzer o seu banco de rapina, ao contrário do desgraçado do precário.
    Os Portocarreros desta vida deviam ser embrulhados em papel higiénico usado e deitados pela retrete abaixo!
    a)Titus Adrianus

    • Carlos Almeida says:

      O Papa Francisco, com uma paciência Franciscana, bem tenta remar contra a maré de corruptos na Santa Madre Igreja.

      Contudo, não nos esqueçamos que se lhe tomou o nome, não é Franciscano, mas sim Jesuíta. Se tivesse sido Franciscano nunca chegava a Papa, nem a Cardeal, nem a Bispo nem a nada dentro da Igreja.
      De resto na Igreja, os Franciscanos são designados por frades menores.

      Vi com os meus olhos a verdadeira caridade cristã desses frades, num hospital de leprosos na Guine Bissau.

      • JgMenos says:

        E andava por lá algum esquerdalho…tão amigos dos infelizes!

        • abaixoapadralhada says:

          Tem ao menos respeito por quem ajuda os outros.
          Mas isso é coisa que nazi não sabe o que é

        • abaixoapadralhada says:

          “Vais de voluntário ajudar os padres?
          Treteiro!”

          Repugnante Nazi !

        • E o burro sou eu ? says:

          “Treteiro! Tens a cassete encravada …”

          Cassete. ?

          O Menos a falar de cassetes !

          Andamos durante anos a ouvir a tua musica estafada e velha

          • A educação é muito linda says:

            A ratazana fedorenta Menos. é muito moderna.
            Usa stream digital que é paga por alguém.
            Por isso é que o fedorento está sempre ON LINE

  8. POIS! says:

    Pois!

    Estavamos nós propor a institucionalização de um “Cagómetro JgMenos” e já está inundado! Em matéria de ambiente estamos cada vez pior!

    • JgMenos says:

      Imagino que gostarias de poder ‘levitar’ no coral de bojardas idiotas que compõem o linguajar esquerdalho.
      Sugiro-te o esquerda.net, que seguramente não me publicaria, para aí encontrares o conforto da treta que te acalma as frustrações e nada exige de um bestunto ao qual o esforço horroriza.

      • POIS! says:

        Pois!

        Mais uma para o JgCagómetro! O homem está imparável! Está a ultrapassar Bolsonaro em toda a linha.

        Mas, numa coisa, tem razão: o esquerda.net não tem uma sanita digna de JgMenos. Não se faz!

      • E o burro sou eu ? says:

        Menos

        Para quem não diz uma direita, estás muito exigente.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.