Carta do Canadá: A casa da Avó

Vai um Outono doce, soalheiro, macio, sereno e lindo. Quem dera que o tempo no Canadá fosse sempre assim, mas não tarda  que chegue o severo inverno de muitos graus  negativos e gelo que, abusador, se estende até Abril.  Foi num Outono assim, há muitos anos,  que desabafei com aquele velho emigrante português o desejo de ter esta temperatura todo o ano. E ele, sábio de experiência, disse de sua justiça: “se o tempo no Canadá fosse assim todo o ano, lá em baixo já não havia ninguém… vinham todos para cá”.  Capaz disso, porque os políticos andam sempre a varrer pessoas pela fronteira fora.  Ia ruminando estes pensamentos enquanto atravessava a rua para me encontrar com a amiga de Tomar com quem ia tomar o pequeno almoço.

[Read more…]

Laurie e Lou

«Aos nossos vizinhos: Que belo Outono! Tudo cintilante e dourado e toda esta suave e incrível luz. Água em torno de nós. Lou e eu passámos muito do nosso tempo aqui nos últimos anos, e muito embora sejamos gente da cidade, esta é a nossa casa espiritual. Na semana passada, prometi ao Lou tirá-lo do hospital e regressar a casa em Springs. E conseguimos! Lou era um mestre em tai chi e passou os seus últimos dias aqui a ser feliz deslumbrado pela beleza, o poder e a suavidade da natureza. Ele expirou no Domingo de manhã a olhar para as árvores e fazendo o famoso exercício 21 do tai-chi apenas com as suas mãos de músico movendo-se através do ar. Lou era um príncipe e um guerreiro e eu sei que as suas canções acerca da dor e da beleza no mundo repletarão muitas pessoas com a incrível alegria e o prazer que ele mesmo sentia pela vida. Viva para sempre a beleza que vem sobre, através e para cada um de nós.»

Laurie Anderson

Outono Junto à Linha

outono-ramal-de-braga

E chegou o Outono em forma de chuva

Banda sonora para este equinócio.

Músicas para o Equinócio de Outono: Ute Lemper

Ute Lemper – September Song

(Obrigado Carlos Ruão, e acrescento: neste blogue só os Carlos são solidários com as festividades do equinócio de Outono. Registo e aguardem…)

Músicas para o Equinócio de Outono: Gilbert Bécaud

..7

Gilbert Bécaud  e Mireille Mathieu- C’est en Septembre

(sugestão do Carlos Loures, obrigado pá)

Músicas para o Equinócio de Outono: Cannonball Adderley com Miles Davis

Cannonball Adderley com Miles Davis  – Autumn Leaves

Músicas para o Equinócio de Outono: Léo Ferré

Léo Ferré – Chanson d’automne

a noite igual ao dia

Equinócio: instante em que o Sol, no seu movimento anual aparente, corta o equador celeste. A palavra de origem latina significa “noite igual ao dia”, pois nestas datas dia e noite têm igual duração.

No hemisfério norte começa agora o Outono. Também acaba o verão. Ambas as coisas me são agradáveis.

Termina a excitação que dilata os humanos, estendidos entre grãos de areia e metendo o corpo no mar como quem vai ao chuveiro.

Começa o espalhar das folhas pelo chão, o melhor tapete para os pés, sobretudo em dias de vento.

E a música abandona os tiques de engate veraneantes.

Os velhos deuses acordam no Outono. A celebração do fim de um ciclo é a festa do seu recomeço.

As melhores paixões vivem do Outono, e podem crer, a melancolia é o seu sublime condimento.

publicado em simultâneo

Músicas para o Equinócio de Outono: Yves Montand

Les feuilles mortes, Yves Montand

Músicas para o Equinócio de Outono: Edith Piaf

Edith Piaf – Autumn Leaves (Les Feuilles Mortes)

Músicas para o Equinócio de Outono: Antonio Vivaldi

Antonio Vivaldi – Le quattro stagioni, L’Autunno

Músicas para o Equinócio de Outono: Lee Hazelwood

Lee Hazelwood – My Autumn’s Done Come (vídeo de Philip Bloom)

Músicas para o Equinócio de Outono: Zeca Afonso

Zeca Afonso – Balada de Outono

Músicas para o Equinócio de Outono: Astor Piazzolla

Astor Piazzolla – Otoño Porteño

Músicas para o Equinócio de Outono: Manu Chao

Manu Chao – L’Automne est làs

Música para o equinócio de Outono: Manic Street Preachers

Manic Street Preachers – Autumn Song

Músicas para o Equinócio de Outono: Ellegarden

Ellegarden – The  Autumn  Song

Músicas para o Equinócio de Outono: Joan Manel Serrat

Joan Manel Serrat – Balada de Otoño