Aung San Suu Kyi libertada na Birmânia

Aung San Suu Kyi foi libertada hoje ao fim de quase vinte anos de pesadelo a que foi submetida pelas autoridades birmanesas. Mas nada garante que o pesadelo tenha fim. O despótico e tenebroso -no sentido de rodeado de trevas e superstições- regime de Myanmar em nada alterou a sua natureza e os sinais continuam preocupantes.

Por outro lado as esperanças depositadas na ação de Aung Suu Kyi por parte da população são enormes, especialmente num país onde o exercício democrático e a capacidade de livre circulação e expressão estão reduzidos ao mínimo:

Alguns observadores questionam o papel que a líder da oposição vai realmente poder desempenhar. Win Tin, um dos fundadores da LND, não tem dúvidas: quando Aung San Suu Kyi estiver em liberdade, “será como uma enorme chuva. E quando a monção chegar à Birmânia, acordará todo o país para a vida

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.