Scolari o mentiroso, passe o pleonasmo

É a primeira vez que vejo Vítor Baía sofrer um golo sem estar em campo.

Comments

  1. Não Interessa says:

    Mas há alguém com, pelo menos, meio cérebro que não tenha percebido logo que esta entrevista era treta? Por amor de deus..

  2. Para Scolari de quem nunca gostei embora tivesse mobilizado os portugueses como nunca em volta do euro 2004, verdade ou mentira, que FEIO que é vir agora dizer ter acreditado mais em alguém futebol do que no trabalho de Baía com quem trabalhou e podia de perto apreciar, e que, se bem me lembro até recebeu prémios pela sua capacidade profissional e se calhar até teria sido o primeiro ou dos prireiros guardas rêdes a ser distinguido, o que é raro, creio – Scolari não faz falta nenhuma aqui nem ele nem outros como ele – vá antes preocupar-se com o “mensalão” e não venha mais aqui sacar dinheiro pois que ganhava indecentemente como nunca e como ninguém – fique lá onde nasceu

  3. Não Interessa says:

    Disse meio cérebro e de facto já foi muito para a capacidade do atrasado mentol do Sérgio Lavos http://arrastao.org/2547210.html

Trackbacks

  1. […] Santo foi o guarda-redes do Porto, mas a verdade é que foi Vítor Baía. É fácil de ver que se descobre mais depressa um mentiroso do que um coxo. Mais difícil é perceber por que razão certas pessoas, que se […]

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.