Murros no estômago

Ontem à tarde, numa mercearia de Campanhã, zona oriental do Porto, o merceeiro comentava que, nos muitos anos que ali leva, perto da escola secundária, estava habituado a ver os miúdos passarem à sua porta sempre satisfeitos quando não havia aulas. Ontem, dia de greve, passavam quase todos cabisbaixos. A cliente quis saber porquê.

– Acho que é porque a cantina está fechada.

Já ninguém disse mais nada.

Comments


  1. CARA AMIGA,NAO TENTE ATIRAR AS PESSAOS CONTRA A GREVE,AS CRIANÇAS TIVERAM O ALMOÇO ASSEGURADO NAS CANTINAS,ATÉ PORQUE QUEM EXPLORA É UM PRIVADO INFELIZAMENTE


  2. Razões para estarem cabisbaixos não lhes deve faltar…
    Falta de comida; falta da privacidade do seu quarto, porque agora vivem na casa de familiares, que ainda não entregaram a casa ao banco; falta de expectativas e desalento pelo futuro sem trabalho… (eu sei do que estou a falar)!


    • Então os alunos do secundário deviam viver onde e com quem senão com os próprios familiares?


      • Familiares= avós, tios etc., porque muitos milharares de famílias nucleares, como todos nós sabemos ficaram sem casa porque não conseguiram pagar ao banco. Essas famílias reagrupam-se em casas onde não dispõem de privacidade, e são recebidos muitas vezes por caridade, mas vistos como intrusos pelos demais. Acho que não é novidade para ninguém! Depois há também aqueles menos afortunados que vão viver para os carros, ou para as ruas. Isto está a acontecer com as famílias, não são só os sem abrigo típicos: toxicodependentes; alcoólicos…


  3. Bem vinda Clara – tem feito falta


  4. Desculpe ter trocado Carla por Claro – é o mesmo (para mim) – é “clara” mesmo


  5. Não parece vir a propósito mas acho que tudo tem a ver com tudo – acabo de ver na TV 2 (acabou às 22:05) – a história desde a sua criação do Greenpeace até hoje e como descobriram todos os problemas do Planeta e a sua destruição como e porquê e por quem – a nossa “casa” arruinada – sem ser preciso andar aos coices com palavras como se faz actualmente no aventar – e muito se aprendia no aventar – mas mais se aprende nada mas sim com o greenpeace sem “Coices” pois que se trata dos coices(ecológicos e económicos e morais) que os predadores mundiais dão a todo o mundo e de que recebemos grandes réplicas e o greenpeace denuncia mas ninguém liga – Agora segue futebol que passou a ser todos os dias e canais e horas – não repudio o futebol mas apenas o excesso e a substituição do grau cultural que compete às TV como ontem sobre o estado do Ensino Privado e Público que é demolidor – mas vá lá há futebol para intoxicar as mentes agora de todas as idades e não só dos homens – que bom – o que me vale é que mesmo à rasquinha o benfica lá ganhou e agora terei futebol até de madrugada


  6. PS – comparando o incomparável muitos anos a Greenpeace não conseguiu fazer-se ouvir por quem deveria ouvir mas lá conseguiram incluindo Costeau, fazer-se ouvir até à ECO-92 onde fui e agora um pouquinho mais – só não sei como o futebol vai fazer pensar o mundo do mundo a não ser do mundo da bola e agora até “a mulher” -Ontem também vi um extraordinário programa (já estava farta de telelixo) sobre pedofilia desde a origem da nossa civilização – Grécia Antiga – até hoje e como a genética esconde a semente e, depois, como a cultura e modernidade de ideias e moral a pode vencer – muito interessante e bem creio que pelo menos neste país muita coisa explica e faz pensar sem aderir a “facilitismos tecnológicos” em vez de estudos sérios de genética e psiquismo e etc) – muito valor técnico e científico e cultural para pensar – o mundo evolui muito devagar e não está muito interessado em #dar que pensar ética e culturalmente com o que a história ensina


  7. Quanto à greve alguém que invente melhor e com mais eficácia porque até os grevistas já sabem que pouco ganham (e perdem dinheiro dos dias de falta e de passes de transporte pelo menos) mas ao menos deitam fora colectivamente a sua ira e a honra não tem preço – ou, pelo contrário, paga-se cara


  8. Não me admira nada que tivesse sido por a cantina estar fechada , pois a fome tira as alegrias todas .
    Não são só os alunos que andam cabisbaixos , só os polí-
    ticos e jornalistas e seus amiguinhos é que andam alegres .

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.