Esta homem ainda vai a Chanceler

O sector de serviços alemão tem que ser mais competitivo, mais aberto a diferentes agentes económicos.

Bruno Maçães espetando o indicador no nariz de Merkel.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.