Esta homem ainda vai a Chanceler

O sector de serviços alemão tem que ser mais competitivo, mais aberto a diferentes agentes económicos.

Bruno Maçães espetando o indicador no nariz de Merkel.