Neoliberalismo no séc. XXI: a exploração infantil e o capitalismo totalitário


HRW

É o capitalismo do deixar fazer. A selvajaria que recusa restrições ou imposições estatais que condicionem a liberdade de explorar sem freio, onde inúmeras são as grandes multinacionais que escolhem tolerar e pactuar com abusos e violações de direitos humanos para garantir o aumento dos seus lucros.

O mais recente caso chega-nos da Indonésia. A Human Rights Watch denunciou que milhares de crianças estão a trabalhar em campos de cultivo e fábricas de transformação de tabaco, sob condições severas e perigosas e perante a passividade do governo de Jakarta. Para além das tabaqueiras locais, duas nobres multinacionais ocidentais estão a lucrar com a exploração de crianças indonésias: British American Tobacco e a incontornável Philip Morris.

No mundo encantado do neoliberalismo, a liberdade do explorador justifica o abuso do explorado. E que ninguém ouse desafiar a liberdade do explorador ou sofrerá as repercussões. Reparem, por exemplo, naquilo que se passou no Uruguai, que ao abrigo de um acordo idêntico ao TTIP/CETA (recomendo vivamente a leitura dos vários artigos aqui publicados pela Ana Moreno, que como poucos tem esmiuçado este tema, negociado à porta fechada sob uma núvem negra de absoluta opacidade) foi processado pela Philip Morris num desses tribunais arbitrais que agora nos querem impor. Motivo: as leis antitabagismo aprovadas pelo estado uruguaio prejudicam os lucros da tabaqueira. Quando a liberdade totalitária do neoliberalismo está em questão, exploração infantil e saúde pública serão, no limite, danos colaterais. Tudo pela mão invisível, nada contra a mão invisível.

Comments

  1. Esclarecedor não é ? says:

    Não percebem nada disto…

    As Multinacionais são muito cristãs, pois passa a vida a dizer:
    – Deixai vir a mim as criancinhas…

    Mas quem é que se rala com isso ? O Trump, o Obama ? o Passos Coelho ? A badochas do CDS ?

  2. joão lopes says:

    exploração infantil em Portugal,é quando estas são utilizadas pelos proprios pais(e donos de colegios privados) como forma de coacção e chantagem em relação a um governo legitimamente eleito.capitalismo totalitario em Portugal é quando alguns colegios privados tem isenções fiscais e ainda recebem subsidios do estado.

  3. Filipe says:

    Infelizmente a industria tabaqueira não foge á regra, ainda são muitad as empresas que usam a exploração infantil como força de trabalho , a somar a isto a fuga aos impostos, sendo eu um fumador acho que começa a estar na altura de deixar de fumar.

  4. Há tudologos que espantam de irrealismo: onde é que os trabalhadores e todos os cidadãos têm melhor protecção seja do estado ou dos tribunais? em republicas como Portugal, Grecia,Cuba, Vebnezuela ou nos paises bem governadas da UE Para ser mais especifico,pergunto se são erros próprios de quem tem que escrever muitos post, se estrategia virada para o tipo de “clente” que visam , se …

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s