Luís Montenegro clarificou posição de Passos Coelho

Deixou de se saber o que vai pensando Passos Coelho sobre a política do PSD e do país, se regressará ou quando regressará o afinal vencedor das últimas eleições legislativas.

Passos-coelho

Poderá o assunto não ser relevante para muitos, mas a sua juventude, a sua experiência enquanto Primeiro-Ministro e o facto de ter sido o último a ganhar eleições no PSD, leva-me a crer que, sempre que houver eleições legislativas em breve horizonte, será ainda o mais sério candidato a líder e o mais bem-vindo entre militantes, simpatizantes e eleitores.
Ora, esta atitude extemporânea para muitos de Luís Montenegro, seu indefectível número 2, clarificou que Passos Coelho não pensa apresentar-se a líder da oposição em 2019, preferindo aguardar por 2023 onde tem a avisada esperança de confrontar António Costa já mais desgastado.
No entretanto, os seus peões irão testando a força dos líderes do PSD, lembrando que a ala ultra-liberal está viva, presente e ainda com força bastante para disputar a liderança quando mais lhes convier.

Comments


  1. É por isso que foi para equiparado a catedrático, neste país em que dizem que é preciso um Salazar em cada esquina, nada melhor para regressar que repetir o filme de há quase 90 anos atrás….

  2. Rui Naldinho says:

    A partir do momento em que a esquerda, dita radical, percebeu que o horizonte à sua direita, incluía também o PS, e não só ela própria, todos os partidos conservadores e liberais ficaram por sua conta, sem ter o PS como aliado. A direita per si, é manca. No passado, quem lhe serviu de muleta foi sempre aquela terceira via socialista, quando pensou que se podiam também “encher”, tal como os outros, sem que a população não se indignasse. Em tempo de vacas gordas, conseguiam disfarçar. Mas em tempo de vacas magras, a coisa pia mais fino.
    Se o PS quer manter o poder por muitos e bons anos, só tem um caminho. Portarem-se bem, sem devaneios mercantilistas, e manter uma relação equilibrada, ainda que por vezes tensa, com essa esquerda à sua esquerda.
    Se não for assim, “rezem” para que Passos Coelho ou um dos seus delfins, não tenham o apetite de regressar.


  3. . “rezem” para que Passos Coelho ou um dos seus delfins, não tenham o apetite de regressar. !”

    …apetite voraz nunca eles o perderam mesmo quando batiam com as mãos de satisfação e gula nas panças cheias !

    Será sina regressarmos ao rotativismo do centrão agora mais direitão ??
    Será que o voto tuga o vai permitir de novo ?? !
    Será que cada povão tem mesmo o que merece a sua estupidez ?

    O que falta, o que faz falta é avisar a malta !!!

    • Ana A. says:

      “O que falta, o que faz falta é avisar a malta !!!”

      Há malta que tem por hábito não dar ouvidos aos avisos! Preferem ir contra a parede…


  4. Pois é , Ana, mesmo sabendo que vão entrar na mesma capoeira, correm e vão na ilusão atrás do grão de milho….e quando dão conta estão encerrados entre redes !
    e depois cacarejam cócóróco “nunca mais comerão ovos que eu ponha” ! mas sem resultado nem terem aprendido nada !
    ….pobres galináceos

  5. Observador says:

    A clarificação, cada vez mais nítida!…

    Ontem, para além de Montenegro (irrelevante para o caso), os verdadeiros derrotados foram todos os parceiros do actual governo.

    Costa e Rio, são a cara e coroa do regime (interesses instalados). Por isso, fatal como o destino, um será pm e outro o seu vice!…

  6. Maria Conceição Moreira says:

    Isso sabemos nos que eles aparecem quando mais lhes convier .Eles não saoPSD sao alpinista e oportunistas, nem sabem o que é Social Democracia.

  7. ZE LOPES says:

    Mais um fenómeno deveras insólito: um montenegro a clarificar!

  8. Julio Rolo Santos says:

    Passos Coelho, quem te quer? Luís Montenegro é um saudosista do passado e por isso, é dos poucos que anseia pelo regresso do seu patrão.

Trackbacks


  1. […] via Luís Montenegro clarificou posição de Passos Coelho — Aventar […]

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.