Duplas personalidades

Ouvir Augusto Santos Silva (ASS) dizer que esteve sempre “empenhado na defesa da democracia e da liberdade”, quando o mesmo foi um dos maiores bastiões dos governos de José Sócrates e dos que mais tentou, desde sempre, impedir a esquerda parlamentar de ter poder de decisão, confesso, fez-me rir muito. Isto, claro, para lá do espectáculo de circo com fogo de artifício entre Partido Socialista e Chega na Assembleia da República, onde ASS tem sido dos maiores protagonistas e que vocês, ingénuos, tanto aplaudem.

Santos Silva é a cara chapada do PS neo-liberal, nunca o escondeu, nunca disso se envergonhou e não será agora, depois de se tornar numa estrela de Hollywood da Assembleia da República, que isso mudará. Ver-vos aplaudir alguém que sempre abominou a esquerda parlamentar e o socialismo dá-me gozo e náuseas ao mesmo tempo.

O Chega é o seguro de saúde do PS que, por entregar 40% do orçamento da saúde aos privados, depende agora da extrema-direita para alcançar o monopólio do eleitorado. Um não vive sem o outro e é por isso que andam de mãos dadas desde Janeiro.

E ainda dizem que o romantismo morreu!

Comments

  1. Rui Naldinho says:

    Concordo plenamente consigo, João. Aliás o maior beneficiário do Chega é o PS. Mas chegará o dia em que o PS se irá lamentar profundamente desse desiderato. Nessa altura será tarde.
    O PSD mais tarde ou mais cedo do que muitos julgam dará a mão ao Chega, a nível nacional, tal como aconteceu nos Açores.

  2. anónimo says:

    “não há atribuições de culpa coletiva em Portugal” diz o PR da AR. E arranca com uma atribuição de virtudes colectiva em Portugal aos imigantes. Coisinhas usuais nos colectivos.

    • Paulo Marques says:

      Há uma diferençazinha de entendimento e consequências entre uma e outra; mas não se preocupe, ninguém considera o Mithá uma boa importação (com todo o direito que tem).

  3. Paulo Marques says:

    Disse o que tinha que ser dito, e cumpriu com o seu posto. Nem mais, nem menos. Se aplaudisse, era aos valores assim expostos, não à pessoa.

  4. Anonimo says:

    Afinal o ps nao é “a” esquerda? Oh raios… afinal quando ganham eleições é uma derrota da Direita mas eles não são de esquerda?
    E eu a pensar que o Dr Costa sakvoue salvará o país das garras do neoliberalismo capitalista que empobrece a nação e nem um cabaz oferece.

    O Chega… o Chega será verdadeiramente perigoso, ou nao (depende da ideologia), quando substituírem o palhaço da bola por um político. Com o psd em modo zombie, e os partidos de “protesto” em decadência, está pasto fértil para uma boa direitola à maneira. Fosse eu maquiavélico, diria que é o plano xuxa, pois pensam que assim (com Chega como principal opositor ) têm poder garantido ad eternum, com a sua ideologia assistencialista, mas podem vir a ter uma surpresa. Que para Portugal será algo de, ou excepcional, ou devastador.

    • Paulo Marques says:

      Assistencialismo, só se for aos zombies apostados em pouco valor acrescentado, baixos salários, e contas no Panamá.
      Claro que é o plano do PS. Tem um problema, o PSD vai com gosto para a lama.

      • Anonimo says:

        Assistencialismo, PS? Claro que não, apenas ao grande capital. Uns direitolas, verdadeiros liberais à direita do Partido Republicsno. Excepto nas campanhas eleitorais. E quando ganham eleições à Direita. E nas raras excepções em que se coligam com PCP e BE.

  5. JgMenos says:

    A direita zombie – conforme à cerca sanitária da cambada – impõe ao Chega manifestar-se tão só nas áreas de confronto com o corretês, o que parece também ser a sua preferência nesta fase.
    Defensor do corretês, o PS nisso põe o essencial do seu estatuto ‘de esquerda’.
    Serviçal do PS, com nenhuma relevância enquanto personalidade autónoma, cumpre o seu papel de sempre na presidência da AR.

    • POIS! says:

      Ora pois!

      è preciso que se note que o Quarto Pastorinho, acompanhado dos seus 10 acólitos e uma acólita, apesar de terem saído do plenário, mantiveram-se muito ativos.

      Depois de mostrarem as gravatas á imprensa, não perderam tempo: dispersaram-se pelo país estrategicamente, cada um na sua esquina.

      Quais zombies! O espírito salazaresco está bem vivo!

    • João L Maio says:

      A direita zombie é o Pacheco de Amorim?

      • JgMenos says:

        Não menino, são os complacentes com a tua cambada, que continuam no registo de ir suportando a cretinice esquerdalha como se ainda houvesse Conselho da Revolução e SUVs.

        • João L Maio says:

          Pois é! Vou já chamar o Otelo à cova para te dar uns açoites. Mas o que é isto? A ser contra-corrente neste país ditatorial e maoísta?! Ai o pequerrucho!

        • João L Maio says:

          Ó Menos, vai para dentro… um homem da tua idade não pode ficar tanto tempo com o couro cabeludo ao sol. Fritas muito rápido.

        • João L Maio says:

          Ainda assim, obrigado por reconheceres, no teu comentário, que o PS é pouco de esquerda. Até um relógio parado acerta 2 vezes por dia!

    • Paulo Marques says:

      Ninguém impôs nada ao PSD, são livres e independentes, e nada tinham contra isso quando o CDS o dizia de forma menos grunha.
      Mas fico contente que veja a esquerdice do PS como performativa. Afinal, não é parvo de todo como gosta de parecer.

  6. Fábio says:

    olha ainda existem

  7. JgMenos says:

    Com o óbolo ritual da UE, o espírito paternalista salazarento manteve-se travestido de tolerância à estupidez/ cupidez esquerdalha.
    É esse o factor presente na direita zombie e determinante desta economia e sociedade de medíocres.

    • POIS! says:

      Pois o que estamos a ver, minha nossa?

      Vosselência com um testículo no pescoço? E outro no calcanhar esquerdo? E o resto a pender da cova do braço e,..a urinar? A perna direita enrolada duas voltas á cintura?

      Vosselência está cada vez mais torcido, ó Menos. Olhe que a coluna não aguenta. Parece um parafuso dos aviões!

    • Paulo Marques says:

      E a Rússia paga a saída?


  8. O Chega é mais pelos dólares já o PS é mais pelos euros. O confronto adivinha-se enquanto os governos vão caindo de maduros.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.