Anedota

Pai, tenho uma confissão a fazer.
Então? O que se passa? Senta-te aí.
Não é preciso. Isto é rápido.
— OK.
Pai, fui condenado a dois anos de prisão efectiva por branqueamento de capitais.
— Branqueamento de capitais?
— Branqueamento de capitais.
— Branqueamento de capitais?
— Sim, branqueamento de capitais.
És bom aluno?
Não. Aliás, nunca fui.
Trabalhas?
Não!
Tens carro?
Não…
Tens casa própria?
Não. Moro em tua casa.
Então, não foste condenado por branqueamento de capitais, foste condenado por lavagem de dinheiro!

Foto: Ricardo Lopes (https://bit.ly/3xE3JYO)

As ” anedotas políticas ” de Virgilio Macedo

VirgilioMacedoPSD2012-2
Virgilio Macedo, o presidente da Distrital do Porto do PSD, continua a sua saga de ” anedotas políticas “.

Esteve ao lado do governo de Passos Coelho na privatização da TAP e agora vem questionar o novo Ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, sobre a possibilidade da transportadora aérea portuguesa deixar de fazer voos de longo curso a partir do Aeroporto Francisco Sá Carneiro.

Fica-se com a ideia que Virgilio Macedo perdeu a noção do ridículo em política. E isto para além de triste é grave porque afecta a credibilidade política da Distrital do PSD do Porto.

Mas a saga ” anedótica politica ” de Virgilio Macedo, neste dia, não ficou por aqui.

[Read more…]