Descubra o estudante do Técnico que há em si

grata superveniet, quae non sperabitur hora

Hor. Ep. 1.4.14

Os estudantes do Instituto Superior Técnico preparam-se para testar a excelente e reconfortante, mas tão esquecida, base doutrinária lançada por José António Pinto Ribeiro, um dos mais fervorosos apoiantes do Acordo Ortográfico de 1990 e segundo ministro da Cultura do XVII Governo Constitucional: “Ninguém será abatido, preso ou punido se não aderir às novas normas”.

Os estudantes do Técnico apresentaram uma moção com uma vontade muito clara: a de que “nenhum estudante seja prejudicado por recusar escrever segundo o Acordo Ortográfico”. Estão de parabéns os estudantes do Técnico e estarão de parabéns todos os estudantes que seguirem esta prática.

Descubra o estudante do Técnico que há em si.

Comments

  1. maria celeste ramos says:

    AO = ABERRAÇÃO

  2. Luís Pinto (Eng. Mecânico) says:

    Parabéns pela iniciativa, como antigo aluno e licenciado pelo IST em 1978, estou solidário, acho o acordo uma imbecilidade.


  3. Para onde irão os estudantes do Instituto Superior Técnico, se eles nem escrever no modo pré-acordo sabem?

Trackbacks


  1. […] Há um ano, dei os parabéns aos estudantes do Técnico. […]

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.