25 milhões de novos pobres europeus em 2020/2025

Desigualdade, desemprego, empobrecimento. Se continuar, o programa de austeridade vai levar 1/3 dos europeus à pobreza até 2020/2025.

Fonte: Relatório da Oxfam.

Comments

  1. Fernanda says:

    Não iam as novas tecnologias finalmente libertar os cidadãos e possibilitar-lhes mais tempo para os seus tempos livres, família e amigos?

    Não ia a economia e o desenvolvimento sustentável contribuir para uma vida melhor e para acabarmos com a pobreza e a fome?

    Como é que, assim de repente, somos privados desta qualidade de vida para a qual tanto lutámos e trabalhámos? E como é que, de repente, somos confrontados com tanto desemprego e com mais pobreza e fome a baterem à porta?

    Como é que, de repente, parece que voltámos a um cenário de Peste Negra, em pleno séc. XXI?

    Dizem-nos que vivemos acima das nossas possibilidades, dizem-nos que temos de empobrecer e de renunciar ao estado social porque não somos nem fomos prudentes, trabalhadores e pacatos cidadãos. Dizem-nos para emigrarmos ou para os nossos filhos emigrarem. Tudo o preço a pagar por ousarmos ter o direito a uma vida com qualidade.

    E os que nos dizem isto são os ecos e os testas de ferro de sociopatas e criminosos a viverem nas suas torres de vidro.

    Mas os vidros quebram-se, não quebram?

    • nightwishpt says:

      Sem falar que somos uma sociedade quase na pós escarcidade onde as máquinas fazem a maior parte do trabalho e onde, portanto, não há trabalho para muita estar empregada 40h por semana.

  2. nightwishpt says:

    “Se continuar, o programa de austeridade vai levar 1/3 dos europeus à pobreza até 2020/2025.”
    E o que é isso face aos novos ricos» Há que pensar em grande!

  3. Antes da austeridade está a deslocação de fábricas e capitais para outras paragens mais apetecíveis, se forem só 25 milhões até que nem será mau, a Europa declinará muito mais (mantendo as condições atuais, americanos, nos acordos de comércio).

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.