A solidez bancária e o super regulador

Carlos

(Carlos Costa enverga a nota que lhe permitirá adquirir cerca de 57 acções do BCP)

Há pouco mais de um ano, o Banco de Portugal confirmava que o sistema bancário estava “sólido”. Em Junho passado, aquele que é já considerado como o melhor regulador da história dos reguladores pela SPO (Sociedade Portuguesa das Ovelhas) veio a público reafirmar essa solidez, avançando até que “Portugal está a criar um clima de confiança no sistema financeiro“.

Ora depois das recentes demonstrações de solidez do banco dos pobrezinhos da Comporta, solidez essa que em breve será solidificada com capitais provenientes do sitio do costume – não, não é o Pingo Doce, são mesmo os seus impostos –  voltamos a assistir a um filme a que assistimos há poucos dias: a CMVM decidiu ontem proibir as vendas a descoberto com ações do Millennium BCP, fruto de uma queda em bolsa de 15,07%, o que levou o preço de cada acção para valores abaixo do preço da pastilha elástica, mais concretamente 0,0879€.

Posto isto, aguarda-se com expectativa aquilo que os ideólogos do sistema terão a dizer. O super regulador é efectivamente um Cristiano Ronaldo da supervisão. Quando irá o BCE perceber o óbvio e apostar na sua contratação para a próxima época? Conseguem imaginar aquela frente de ataque com o Constâncio na esquerda, o Draghi da Goldman no coração da área e o Costa na ala direita? A conferência de imprensa de hoje promete…

Comments


  1. Este super herói e outros que tais (nesta caso na CMVM) são premiados pela sua inacção pelos comentadores do sistema… até quando??(http://obomadamastor.wordpress.com/2014/08/06/irresponsabilidade-da-supervisao/

  2. tessamends says:

    Reblogged this on Couves Cobardes.


  3. A atestar a competência destas Entidades, a notícia de que, depois do descalabro de ontem, BCP perde mais 18%… A Banca está Boa e recomenda-se, certamente, segundo a CMVM e BP!!!

  4. Gottlieb says:

    Já para não falar dos filhos da puta da troika que foram uns conas com os testes de stress, não viram um pentelho. Foda-se. Vão todos pró caralho. Meus grandes cabrões.
    (haaaa pois é, vou aderir ao Marsapo)

    http://youtu.be/CffAMBBdka0


  5. Reblogged this on O Retiro do Sossego.

Trackbacks


  1. […] interessante ver que esta crise do sector bancário privado – o tal que era sólido como uma rocha – ontem aparentemente alargada ao BCP, está a engordar o porquinho mealheiro estatal que o […]

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.