P. H.

Os labregos do clube do croquete nacional estão exultantes. Uma das suas musas, Paris Hilton, está entre nós. E a televisão dá. Destacando-se por ter tentado, com igual grau de indigência, diversas actividades sociais e “profissionais”, resolveu agora ser DJ. E a televisão dá. Chegou entre luzes e aplausos, bamboleando-se pela passadeira vermelha – que, parece, tinha exigido…- com a sensualidade de uma esfregona. E a televisão dá. Subiu ao palco, colocando-se atrás das maquinetas com ar esclarecido. E a televisão dá. Lá deu com o botão que punha em marcha a mistura “musical” que alguém terá preparado para ela, começando a agitar-se como quem está com comichões várias. E a televisão dá. Posa depois, entre beijinhos, com o ramo feminino da família de Cristiano Ronaldo, sobre cujos atributos discorreu. E a televisão dá. Nos programas da manhã não faltarão comentários sobre comentários dos pomposamente designados “comentadores sociais”. Tudo a televisão dará. Até à náusea.
(Nota para os mais distraídos: este post não é sobre Paris Hilton)

Comments

  1. Rui Moringa says:

    É um negócio. Porque se admira tanto?! Os papalvos que lá foram também foram tentar esfregar-se. Desligue-se a TV. Afinal o que se perde?!
    Eu venho até aqui ler o que vocês escrevem e quero lá saber do lixo da TV.

  2. Fernando says:

    A televisão ai do burgo – Portugal – parece o Correio da Manhã.
    Mas, diga-se em abono da verdade, que ca’ fora as tv’s e as revistas “cor de rosa” são a mesma merda. Ligeiramente menos mal cheirosa. Em Portugal, tirando o Ronaldo, as irmãs do Ronaldo, o livro e o xilique da mãe do Ronaldo, a namorada do Ronaldo e o filho…? do Ronaldo, pouco mais há para entreter a labregagem.
    Há ! já me estava a esquecer: do recente best seller “Salgado”.

    • José Robalo says:

      Fernando,
      “Há! Já me estava a esquecer…”
      Este “Há”, não sendo forma do verbo “haver”, escreve-se “Ah”.
      Cuidemos, pelo menos, da língua portuguesa.

  3. joao lopes says:

    desligar a tv é o melhor remedio.claro que em qualquer café onde se entre la esta o pasquim CM ou a tv ligada com uma loira(nao a hilton,a ferreira) aos gritos e com o sex appeal digno duma galinha poedeira.enfim ,lêr é o melhor remedio( o luiz pacheco por ex.que era homem para pôr este pais em sentido)


    • Hilariante, o artigo! Hilariantes, os comentários!
      Realmente, não haja dúvidas!…Os média estão mais preocupados como o mediatismo das futilidades…
      Acho bem mais agradável vir aqui!…Sátira, indignação e então, humor…é “à farta”.
      E…com isto, ainda não consegui parar de rir… 🙂

  4. José Peralta says:

    José Gabriel

    Concordo com tudo o que escreveu no seu post, “que não é sobre paris hilton” !

    Mas o meu…é !

    Além da exigência da passadeira vermelha…dois milhões de euros !

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.