O telemóvel e a história é o que o capitalismo quiser

230214_ruust

Dizem que faz hoje 42 anos que se fez a primeira chamada telefónica via telemóvel. Dizem-se muitas coisas, e neste caso omitem-se outras. Por exemplo, o facto de Leonid Kupriyanovich ter patenteado e concretizado muito antes dessa data um sistema em tudo semelhante, não se diz.

Leonid era soviético e faz de conta que nunca existiu, que só o capitalismo americano podia inventar uma coisa destas. Confere.

Comments


  1. As patentes soviéticas não eram reconhecidas pelo “sistema”…

  2. Ernesto Martins Vaz Ribeiro says:

    Diria que nada mudou: Cai um avião, abatido por qualquer bala e temos o Nobel da Paz a gritar e quase a jurar que viu Putin carregar num botão de um lança mísseis.
    Há de facto um sistema manifestamente maniqueista que politicamente não passou pelo crivo que a Igreja instituiu ao maniqueísmo religioso. E, em boa verdade, este miserável maniqueísmo que nos indica um paraíso a Oeste e um inferno a Leste bem o merecia.
    Felizmente que o velho aforismo é sempre válido: “A Oeste, nada de novo” …

  3. José almeida says:

    Recordaria também, as viagens cósmicas (Laika, Gagarin, Luna 15..), os Jogos Olímpicos de Moscovo 1980 (o famoso ‘quadro eletrônico’ humano, e o ‘Miska’ no encerramento que parecia puxado por balões e era um aeróstato silencioso tipo ‘drone’, manipulado à distância. Sim, foi “ontem”, mas já lá vão 35 anos….. De facto ‘a história é o que o capitalismo quiser’.


  4. Reblogged this on O Retiro do Sossego.

  5. Lufra says:

    Por acaso não é verdade.
    Em 1956, a empresa sueca Ericsson desenvolveu seu primeiro celular, denominado Ericsson MTA (Mobilie Telephony A). O Ericsson MTA4 , pesava cerca de 40 quilos e foi desenvolvido para ser instalado em porta malas de carros.
    Para quem quiser: http://pt.wikipedia.org/wiki/Hist%C3%B3ria_do_telefone_celular

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.