Cristiano Centeno no Real Madrid?

mc.jpg

Fotografia: Julien Warnand/EPA

Centeno vinha de um país pobre, num contexto particularmente delicado. Treinou intensamente, deu nas vistas numa inesperada geringonça, ainda que sem grande futuro, e não demorou muito até que o seu talento despertasse o apetite de grandes emblemas estrangeiros.

Lá fora continuou a dar nas vistas. Tinha a rara habilidade de saber aproveitar os ventos favoráveis para apresentar números históricos, driblando os seus companheiros de equipa mais indisciplinados, ao mesmo tempo que iludia os sócios da instituição com o seu jogo de cintura. 

Perante tão habilidoso talento, seria difícil ficar indiferente, apesar das acusações de falta de maturidade para voos mais altos. E agora que a Lagarde se prepara para mudar de clube, Centeno está na linha da frente para a sucessão num dos grandes tubarões mundiais. Resta saber se conseguirá cativar os accionistas. O que à partida não parece uma missão particularmente difícil, ou não fosse ele um especialista em cativações. Até onde irá aquele a quem o veterano Wolfgang um dia apelidou de Ronaldo do ECOFIN? Só o Diabo sabe.

Comments

  1. Luís Lavoura says:

    Coitado do António Costa, vai perder assim o seu mais cativante ministro!

  2. Nuno M. P. Abreu says:

    Com piada mas sem substância substantiva, num uso abusivo do pleonasmo!

  3. estevesayres says:

    Os Migueis de Vasconcelos, ainda não foram todos embora?!

  4. nuno says:

    Sabem qual a ultima palavra de “Os Lusíadas”?

  5. César P. Sousa says:

    Se aplicar o novo software de envelhecimento a este “desconchavado” Centeno,ficará exactamente igual à Dona Branca dos idos de oitenta.


  6. 5* estrelas, João Mendes !

  7. Paulo Marques says:

    Até onde irá? Isso é fácil, acabará a oferecer jantares aos eurodeputados e comissários pagos por uma qualquer instituição financeira.
    E custa-nos tão pouco pêlo financiar-lhe a carreira.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.