Até para se ser ovelha….

Sofia Afonso é candidata do “Nós Cidadãos” à Câmara Municipal de Lisboa e denunciou uma espécie de OvelhaGate na CML. Uma análise mais profunda permite revelar a enorme injustiça da queixa da candidata. Ora vamos por partes:

Ajuste directo para a construção de um ovil pelo valor de €74.890. Ora bem, são 20 ovelhas, carago, 20 ovelhas. Uma casa de Madeira de 80m2 com dois quartos custa praticamente o mesmo mas não sei se cabem lá, com todo o conforto, mais de 10 ovelhas.

Ajuste directo para a colocação de sistema de vigilância no valor de €19.271. É caro? Depende. Quantas câmaras de vigilância? Tem sistema de alarme conectado directamente à polícia ou a uma empresa de segurança especializada? É preciso esclarecer.

Ajuste directo para a colocação de um rebanho de 20 ovelhas no Parque da Bela Vista no valor de €19.933 para trabalhos de “teste preliminar de roçamento em prados”. Aqui a injustiça da queixa da senhora candidata. 20 ovelhas para roçar os prados do Parque da Bela Vista por menos de 20 mil euros??? Uma pechincha. Ela que vá ver quanto custa aos lisboetas 20 carneiros como os que por lá trabalham vindos do Partido Socialista e da Juventude Socialista. E nem roçam prados, os sacanas…

Comments


  1. “Carneiros é o que mais há…e com carne de obedecer”…

  2. Luís Lavoura says:

    Pois, mas um homem a trabalhar a roçar prados custa, na província (em Lisboa há de ser muito mais caro), 100 euros por dia. O parque da Bela Vista é bem capaz de custar por ano uns dois mil euros, ou muito mais, a limpar. As ovelhas fazem o serviço de borla e ainda dão, como brinde, alguma carne de borrego.

  3. Carlos Almeida says:

    Há imensos dias que não tinha o prazer de ler os interessantes escritos de escribas profissionais.

    O silencio de fazer doer os ouvidos dos comentários do chamados liberais sobre um assunto como o genocídio do povo palestiniano pelos israelitas seria de certo esclarecedor, se já não soubesse-mos com quem lidávamos.

    Finalmente um post interessantíssimo, sobre ovelhas

    Parabéns, ficamos ainda mais esclarecidos

    • A. Castro says:

      Se eu soubesse; se tu soubesses; se ele soubesse; se nós SOUBÉSSEMOS… Vê-se que não tem a 4ª classe (das antigas)

      • Carlos Almeida says:

        Tem toda a razão o Sr Castro. Se o meu professor de há 70 anos me visse a escrever estas alarvidades, que muito bem corrigiu, dáva-me uma palmatoadas bem merecidas.
        Mas com o “aborto” ortográfico a gente já nem sabe como escrever.

  4. JgMenos says:

    Cada vez são mais a mamar nas ovelhas.

    • POIS! says:

      Pois V. Exa. lá sabe!

      Ou julgava que não ia haver concorrência? Deixe lá, se ficar com fome…resta o seu amigo fuzileiro.

      Para lhe ir comprar comida, claro!