2021

O ano em que a Ryanair faz melhor oposição do que o PSD.

Comments

  1. Rui Naldinho says:

    A Ryanair vai ter cá uma sorte! A TAP deve estar cheia de medo. E logo duma companhia aérea sediada na Irlanda. Uma espécie de offshore, em competição com o Luxemburgo.
    Numa Europa civilizada, noutros tempos, já tinha sido colocada na ordem. Incluindo em Portugal.
    Mas como a Europa se transformou nessa coisa amorfa, tipo Covid 19, sem cheiro e paladar, tudo ficará como dantes.

  2. carlos almeida says:

    Sr Figueiredo

    O PSD pelo menos é português.
    A Ryanair é como os outros “chulos”, para usar a linguagem muito na moda aqui no Aventar, que só esta na Irlanda enquanto não pagar impostos

  3. Nuno Pinheiro says:

    Quantos milhões embolsa a Ryanair, por ano, em ajudas estatais?

    • POIS! says:

      Ora lá está!

      As chamadas ajudas estatais, por vezes, são “invisíveis”. Mas existem! “Facilidades”, “concessões”, “isenções”, “exceções”, “acordos fiscais” e outras “vigarices legais” (olha, rimei!)

    • Rui Naldinho says:

      Já nem vou por aí.
      Primeiro, questão envolve várias companhias de bandeira de vários países. Não ê só a TAP.
      Segundo, estamos perante uma companhia com vários processos pendentes por não cumprimento dos acordos laborais em vigor nos vários países.
      Ou seja, vir alguém que vive numa ilegalidade quase permanente, reclamar paridades várias, em relação a outras companhias, só mesmo numa Europa desnorteada, ou numa Irlanda a pensar que são as ilhas Cayman.
      O Tribunal Europeu não consegue por ordem na Hungria e na Polónia, por atropelo aos mais elementares direitos civis, e vem agora querer ditar regras de sanidade económica, quando na verdade a Ryanair não é exemplo para nada.

  4. POIS! says:

    Pois é!

    Oposição, oposição, é sempre mais eficiente a privada.

    É por isso que o Dr. Cotrintim vai dar o exemplo e privatizar a IL. Para começar, parece que vai mandar transformar a sede da IL numa start-up-tasca. A malta do Venturoso Partido Açoriano até já recebeu convite para ir lá beber um copo.

  5. Paulo Marques says:

    Confundir política com legalidade é uma táctica.