Platini o falso moralista que esteve sempre contra o F C do Porto

9801_img

Ontem o mundo do futebol teve conhecimento que o presidente da FIFA, Joseph Blatter, e o Presidente da UEFA, Michel Platini, os dois homens mais poderosos do futebol mundial, foram condenados a uma pena de afastamento de toda a actividade futebolística durante 8 anos.

O comité de ética da FIFA sustentou a sua decisão nos factos que Blatter e Platini violaram as normas do código de ética da FIFA, nomeadamente no que diz respeito à oferta e aceitação de presentes e outros benefícios, mas também relativamente aos deveres de lealdade no exercício das funções, a conflito de interesses e às regras de conduta.

Existem fundadas suspeitas de corrupção num pagamento de cerca de 1,8 milhões de euros que Blatter fez a Platini, no ano de 2011, relativo a serviços prestados pelo francês à FIFA entre 1998 e 2002.

Neste momento recordo-me das declarações, em 2008, do falso moralista, Platini, já à data presidente da UEFA, quando afirmou relativamente ao Futebol Clube do Porto que

” como presidente da UEFA não estou nada contente com a sua (FC Porto) inclusão na Liga dos Campeões. Digo-o claramente. Durante o meu mandato, a UEFA vai lutar até à morte contra a corrupção”.

Ironia das ironias, nao é que oito anos depois, Platini é precisamente afastado da liderança da UEFA por corrupção.

Tudo isto traz-me à memória um sábio ditado popular português que nos diz que ” aqueles que quem telhados de vidro não deverão atirar pedras “.

Comments

  1. calheiros says:

    pois é. esquece é que a mesma uefa aceitou as mentiras de um funcionário da fpf, que lhes disse que o porto nao tinha sido condenado (quando já tinha), permitindo assim que o porto jogasse a champions no ano seguinte. sim, platini é corrupto. como pinto da costa, reinaldo e companhia.

    • O Voucher... says:

      Sai ali um Paulo Pereira Cristóvão e uns vouchers para a mesa 8 do Elefante Branco…

    • Nightwish says:

      O FCP nunca foi condenado num órgão que não fosse um antro de benfiquistas.

  2. Matias says:

    Boa.
    Na ordem do dia estão os seus correligionários, pelo menos moralmente corruptos, Passos e Albuquerque e o meu amigo vem falar da poeira do Platini e do FCP. Meus ricos olhos.
    É obra.

  3. Artur Sousa says:

    Na corrupção todos os títulos ganhos ou valores alcançados fosse por quem fosse deveriam ser retirados.
    E assim castigados severamente para dar exemplo e se lutar por um desporto credível e melhor para todos os desportistas, e todos aqueles que gostam de desporto.


  4. Paulo Vieira da Silva a fazer acusações de falso moralista?
    Que autoridade moral tem o Sr. , um censor e um falso moralista de mão cheia, para vir a público falar disso?
    Psicologicamente eu sei que faz bem falar dos seus problemas, mas faça-o em família (no seio dos seus oráculos do PSD, por exemplo, que, como o Sr, são campeões da hipocrisia, do falso moralismo e do cinismo). Mas em público, recomenda-se recato e um bocado de vergonha a quem passa a vida a censurar comentários urbanos e a cortar acessos para evitar que leiam opiniões contrárias à sua. Tenha vergonha e, de uma vez por todas, integre na sua mente que os tempos do fascismo já lá vão.

  5. Piorquemao says:

    Como se tal pudesse desculpar mais de trinta anos da existência e manutenção da maior organização mafiosa, (leia-se futebol corrupto do porto), tida como tal, desde o berço da nação e que há muito extravasou o mundo do futebol saltando para várias outras actividades num vasto leque de profissões e extractos sociais de uma geografia que passou a encarar o crime como se do normal quotidiano se trate. Agora parvos, inocentes,… crentes,… ou máfia fãs,…