Portugal a arder


Inc

Negligência, irresponsabilidade e interesses económicos. Portugal assiste a mais um ano negro de fogos florestais que podem ser vistos do espaço. Um flagelo incontrolável orquestrado por criminosos impunes. Triste sina a nossa.

Fonte: NASA/Caltech@DN

Comments

  1. ...Eu não sou de cá... says:

    Isso mesmo criminosos impunes…Mas que país é este ?

  2. Afonso Valverde says:

    Bem, também me parece que o fogo é um bom negócio para muita “boa” gente. Parece algo parecido com uma guerra. É escutar a terminologia de alguns que aparecem abonecados na TV e falar: no “teatro operacional temos x meios disto x daquilo…Aqui está controlado acolá não. Depois nalgumas circunstâncias verifica-se que comparando com a realidade obtida por outros meios é tudo “burilado”.
    Respeito muito o trabalho abnegado dos bombeiros voluntários que servem de peões (soldados desinteressados) para os outros aparecerem a falar de “teatros operacionais”. Depois há os equipamentos e as suas vendas etc que fica sempre mais caro que a prevenção na qual não estão interessados.

  3. Lúcia says:

    Com sempre o pânico dos incêndios acontece, o tempo começa a refrescar e só se volta a falar para o ano outra vez…..Esta falta de memória coletiva é transversal à classe politica ( está lá por 4 anos,pelo menos,civil estão mal apoiados os militares depende dos politicos e andamos nisto,anos após anos a lapidar o património publico,privado ,fauna e lamentavelmente vidas humanas .Tenho a convição e já o frisei muitas vezes que só uma organização da sociedade civil bem apoiada e estruturada é que se prevenia os incêndios.Passo a explicar ; à luz do que se criou um “Banco Alimentar contra a Fome” com voluntáriado ,o mesmo teria que ser feito com a prevenção deste flagelo que nos atinge a todos.TERIA QUE EXISTIR O “BANCO DA PREVENÇÃO DE INCÊNDIOS FLORESTAIS”.Deixo este desafio é nosso dever como patriotas não deixar o nosso património arder ,Hoje parece uma ideia dificil mas tenho a certeza que vai vingar esta iniciativa para bem do nosso futuro……………….

  4. Filipe says:

  5. Orlando Gaspar Guerreiro de Almeida says:

    As forças armadas deixaram de estar empenhadas nestes ” teatros de operações” por decisão política dos governos PS,PSD e CDS, para serem alugados meios aéreos a empresas privadas; por outro lado os guardas florestais do Ministério da Agricultura, foram integrados na GNR, terminando a vigilia permanente daqueles agentes florestais. Assim se reforçou os serviços privados que enriquecem com estes incêndios, que constituem um negócio lucrativo,
    naturalmente, para uns poucos.

Trackbacks

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s