Mars InSight

“Aterrou” com sucesso e já enviou a primeira fotografia.

É uma obra notável conseguir poisar no solo marciano com sucesso depois de uma viagem tão longa e depois de anos de planeamento e execução da missão.

Mas que não nos iludamos quanto a cultivar batatas em Marte e conseguirmos um segundo planeta para vivermos, caso a Terra entre em colapso. Qualquer lugar mais inóspito aqui deverá ser um paraíso em Marte. Mais vale cuidar do terceiro calhau a contar do Sol.

Merci!

Portugal
Well, it’s not often that you see an entire country on one single photo, especially one that has as much to offer as Portugal!
Tout un pays sur une seule photo, ce n’est pas tous les jours 😉 D’habitude je zoome sur le Portugal qui offre une belle diversité de paysages, mais pour célébrer la révolution des Œillets et son message démocratique, quoi de mieux qu’une vue d’ensemble ?
Credits: ESA/NASA”
Thomas Pesquet, patilhado no seu Facebook ontem, 25/4/2017

Obrigado pelo bom gosto e pelo sentido de oportunidade.

Quatro dias em Saturno


(c) NASA Jet Propulsion Laboratory
A sonda Cassini da NASA olhou para Saturno durante quase 44 horas em Abril de 2016 para obter este filme que mostra quatro dias Saturno.

Júpiter visto pela sonda Juno em Agosto de 2016

júpiter
Ao contrário da habitual região equatorial de cintos e zonas, os pólos estão manchados com tempestades de vários tamanhos, semelhantes a versões gigantes de furacões terrestres. Os pólos de Júpiter não eram vistos a partir desta perspectiva desde que a sonda Pioneer 11 passou pelo planeta, em 1974.

Imagem: NASA

Portugal a arder

Inc

Negligência, irresponsabilidade e interesses económicos. Portugal assiste a mais um ano negro de fogos florestais que podem ser vistos do espaço. Um flagelo incontrolável orquestrado por criminosos impunes. Triste sina a nossa.

Fonte: NASA/Caltech@DN

Muito bem, Bloco de Esquerda

Segundo o Observador, o Bloco de Esquerda “recusa-se a participar em receção“. Se me enviassem um convite para participar numa ‘receção’, também recusaria, por um motivo muito simples: não sei o que significa. Aliás, não estou sozinho. Além de mim e de outros falantes e escreventes de português europeu, também os falantes e escreventes de português do Brasil desconhecem o significado de ‘receção’. Efectivamente, não nos esqueçamos do objectivo: “conseguir chegar a uma ortografia comum”.

nh-plutosurface

© NASA via Gazeta Wyborcza (http://bit.ly/1Jixop6)

55:55:20 – Swigert: “Okay, Houston, we’ve had a problem here.”

55:55:28 – Lousma: “This is Houston. Say again please.”

55:55:35 – Lovell: “Houston, we’ve had a problem. We’ve had reacção and contatos”

55:55:42 – Lousma: “Roger. Reacção and contatos.”

cavaco freitas contatos

NASA poderá vir a resolver problema de desemprego em Portugal

ku-xlarge

How NASA might build its very first warp drive

Com uma coisa destas é que era emigrar à velocidade da luz (para além dela, até).

Leituras:

Há vida em Marte?

Segundo a NASA, apesar da ausência de metano, é provável, David, é provável. Contudo, uma coisa é certa: não há dinheiro em Marte. Não, não há.

O homem na Lua: uma grande produção da NASA ou de Hollywood?

Dia 31 de Outubro de 2012, a partir das 21h30, o OAL promove a videodifusão da Palestra Pública integrada nas “Noites no Observatório”. Veja a palestra clicando aqui.

Morreu “O” homem da lua

Neil Armstrong morreu. Tenho na memória televisiva aquele homem que cumpriu o sonho da Humanidade. Ele era O homem da lua, muito mais do que apenas o 1º homem na lua.  Parece até que ficou à espera da chegada do Homem a Marte, ainda que numa versão robotica.

Quem consegue dizer mais nomes de Homens que colocaram os pés na Lua? Eu não, mas também o que é que isso interessa? Nada. Mas como o post é meu eu é que mando e se eu digo é porque é, pelo menos antes do primeiro comentário deste post que corre sérios riscos de se tornar o mais estúpido por mim escrito, mas é mesmo assim – detesto ver gente morrer. Detesto.

2012, o fim do mundo americano

O Roland Emmerich fez um filme sobre o fim do mundo e a NASA teve de vir desmentir o "facto" face às preocupações crescentes de muitos americanos. Tenho de concluir que estes americanos não batem muito bem. Um país que que espalha a paz por esse mundo fora à bomba e a tiros de metralhadora e que acima de tudo não consegue discernir entre realidade e ficção é mesmo para ter medo. Eu tenho medo dos americanos, porque decididamente já não jogam com o baralho todo.

 

""Some people went to that movie and they thought it was reality, that it was an actual documentary," Betts said.

Morrison says Sony has crossed a line with promoting "2012."

"I think people are really, really worried about the world coming to an end. Kids are contemplating suicide. Adults tell me they can’t sleep and can’t stop crying. There are people who are really, really scared," he said.

"People are very gullible," he added. "It a sad testimonial that you need NASA to tell you the world’s not going to end.""