TCE: Um erro histórico nascido em Lisboa

O Tratado da Carta da Energia coloca algemas às medidas de acção climática:

mesmo que um Estado abandone o tratado, a ele continua submetido durante mais 20 anos, devido à chamada cláusula de caducidade, também conhecida por “cláusula zombie”.

 

Comments

  1. POIS! says:

    Viviane Forrester (1925-1913), uma das fundadoras da ATTAC, escreveu em 1996 um importante livro que intitulou “O Horror Económico”.

    Em janeiro de 2000 Jacques Génereux contrapôs ideias através de outra publicação, “Une Raison d´’Esperer”, acrescentando desde logo ao título, na própria capa, a afirmação “o horror não é económico, é político”.

    Dá vontade de dizer que, também aqui, o “erro” não é, propriamente, histórico. É político.


  2. Falso!!!! Não existe aqui erro coisa nenhuma. São actos deliberadamente concebidos e executados para serem assim mesmo e garantidos pela conivência de governos, parlamentos e partidos.
    Erros o caraças!!!!!!!!!!

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.