E que tal um artigo sobre a máfia do BPN, professor Cavaco?

Cavaco Silva voltou a sair para o recreio, rancoroso como sempre, para bater nos meninos mais pequenos e recordar ao país a sua espectacularidade. Bateu em Costa, bateu em Rio e fez o número habitual que sempre faz quando tem oportunidade: auto-elogiou-se, com o pretenciosismo arrogante que há muito lhe conhecemos. Cavaco será sempre o maior da aldeia, pelo menos na perspectiva de Cavaco.

Pena nunca o ouvirmos sobre outros temas, mais caros a todos os portugueses. Nomeadamente sobre o saque que a sua antiga eutourage provocou com o BPN. Sobre a permuta com Fernando Fantasia na Herdade da Coelha. Sobre a compra e venda de acções da SLN. Sobre a coragem que não teve de abordar o assunto com a frontalidade que diz ter, ele que se acha o mais honesto dos homens.

Cavaco poderá ter sido um grande estadista para alguns, mas o final da sua carreira política é um completo desastre. Para a sua imagem, para o legado que afirma ter deixado e para o seu partido, que contínua refém da sua existência auto-centrada, qual Salazar deitado na cama após cair da cadeira, cuidando ainda governar o país. E a reverência da direita, para com este sombrio personagem, ilustra bem a sua incapacidade de voltar ao poder.

Comments


  1. Mais vale rirmo-nos um pouco com isto tudo.
    Lembra-se desta carta do ‘Acabado Silva’ no Contra-Informação?
    https://mosaicosemportugues.blogspot.com/2022/06/contra-informacao-carta-de-acabado-silva.html
    Poderia ter sido feito hoje…
    Cumprimentos

  2. estevesayres says:

    Bem, eu já malhei tanto no neoliberal, com tiques fascistas CSilva, que não vou falar mais nele, nem no Marcelo (padrinho do Marcelo!!! )

  3. motta says:

    É uma daquelas raríssimas figuras que, apesar de ser um nome mais ou menos conhecido nos mentideros da política, não merece o trabalho de alinhavar uma ideia sobre ela. A mais execrável da nossa dita democracia.

  4. Rui Naldinho says:

    Até me admira de ainda não terem aparecido por aqui aquelas abéculas da direita a culpar o Constâncio, … pois e tal, o polícia é que devia de tomar conta do cofre, pois os ladrões até eram honestos, por serem amigos do Cavaco, claro, … o polícia é que era nabo, tás a ver…!
    Ver a múmia sentada numa cadeira a dar uma entrevista à pseudo jornalista escolhida a dedo, esposa do ex presidente da CIP, sua dilecta admiradora, qual advogada de defesa na barra dum tribunal, só pode mesmo cheirar a gabarolice.


  5. Nasceu Cavaco e há-de morrer Cavaco…

  6. JgMenos says:

    O facto de ter sido mais homem de Estado do que chefe partidário sempre fará de Cavaco uma honrosa excepção à matilha da boyada.
    Que entre eles houve ladrões e corruptos só comprova o espírito abrilesco que nos mantém nesta lama de irresponsabilidade individual e colectiva.

    • Rui Naldinho says:

      Pois, a culpa é do 25 de Abril, minorca!

    • Paulo Marques says:

      Nota-se que é apartidário cada vez que surge da bruma, tal como quando era presidente. Ai se não se nota…

    • José Peralta says:

      Ó “menos”

      Com que então… “homem de Estado, o Cavaco ” ?

      “Que entre eles houve ladrões e corruptos só comprova o espírito abrilesco que nos mantém nesta lama de irresponsabilidade individual e colectiva”

      SIM??? E corruptos, ladrões, vigaristas, não encontras nenhum , no “espírito salazarento” que enche de trampa o teu pobre cérebro ?

      • JgMenos says:

        Estou à espera, cretino, que me digas os nomes dos homens que foram proeminentes políticos do Estado Novo e que alguma vez tenham sido acusados de corruptos, antes ou depois do 25A.

        • POIS! says:

          Pois a malta lembra-se, assim ao caso…

          De um tal Tónio de Oliveira Qualquercoisa que condecorou uma jornalista francesa com uma condecoração falsa e clandestina talvez para…pagar algum favorzito…

          Vosselência pediu um ato de corrupção. Não vamos discutir valores, pois não? Seria ridículo…

          Não foi é acusado. Sabe-se lá porquê…

        • Paulo Marques says:

          Mau, então agora já é preciso acusação, e final só meia dúzia, nem é de abrilescos, é de pós-abrilescos é que são corruptos pelo mesmo critério?

  7. luis barreiro says:

    SEgundo a ideia do broco ganza esquerdalho jjmendes, os casos supra citados são culpa do cavaco, mas o costa e afins com o maior vígaro j socrates já se tem de separar. máta-te os teus avós se pudessem até te cuspiam na cara.

    • POIS! says:

      Pois não seja precipitado.

      Nem todos os avôs são como os de Vosselência. Aliás, parece que essa velhusta tradição do cuspo está, neste momento, restrita à família “barreiro”.

      Vá lá mas é limpar a caverna, que está cheia de baratas, e deixe-se de comentários parvalhões.

    • Paulo Marques says:

      Já esclareceste a questão do teu pai?

  8. António says:

    Pura verdade. Seria útil um diagnóstico, a estes Sociopatas!

  9. francis says:

    O Padrinho, com ar respeitavel.

  10. Anonimo says:

    Portugal só evoluiu quando limpar de vez esta Direita bafienta.
    Vamos no bom caminho, Chega é fogo de vista, os neos do Iniciativa vão durar uma legislatura, o psd caminha para ser o cds e o cds já é o pctp-mrpp.
    Com um Parlamento maioritariamente com verdadeira esquerda, PS e PCP (o Bloco são liberais travestidos de socialismo), Portugal pode finalmente sair da cauda da europa onde o Cavaco nos colocou e os seus capatazes troikistas fizeram questão de nos manter.

    • Paulo Marques says:

      Eu gosto que quem suspende a contratação, carreiras, acha todas as greves inconvenientes e ainda chama a bófia, aldraba custos e número de pessoas em escalões, e ainda só ouve patrões na concertação é mais socialista, apesar do asco a usar a palavra trabalhador, do que quem faz o contrário e ainda vai aos locais de trabalho e piquetes fazes o trabalho. E podia ir por aí fora, como a crença no desemprego, precariedade e baixos salários para bem do país.
      A “Crítica ao Programa de Gotha” era suave de mais para gentelha deste calibre.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.