A promoção do Pingo Doce explicada aos otários

Pelos próprios que se estão a rir da ignorância, do rebanho formado pelos que hoje se engalfinharam nas lojas Pingo Doce.

Baixa-se de um lado, aumenta-se do outro, e na volta até pode pagar mais caro.

via Miguel Madeira

Comments


  1. Arranje umas pastilhas para a azia


  2. Tem desconto, ó anónimo?


  3. Não, produtos farmacéuticos não estavam incluidos. Mas enchi a despensa e poupei 200€. Bem jeito me dá, o resto quero que se f.


  4. Boa. Quando fores grande vais ver que também te deixam brincar aos pastores.


  5. É por causa da forma de pensar a de alguns pensam o resto que se f… que o Mundo está assim:
    Como se devasta um Continente inteiro.., ou dois, ou até três. É o salve-se quem puder
    Pena não ter ido à farmácia…

  6. Bruno says:

    Mas alguém dá algo a alguém? Sendo bancos, seguradoras, supermercados? Deve de ser….

  7. João Cabiça says:

    Discordo. Fala sem conhecimento e análise. Lamentável. Todos os produtos adquiridos estavam a preços idênticos a anteriores (fiz comparação com talões de compras anteriores) e analisando os preços do continente e jumbo online, não existiu qualquer subida dos preços hoje no Pingo Doce.

    Mostre-me uma desvantagem de uma cadeia de supermercados oferecer 50% de desconto nos produtos, ao preço normal e com desconto no momento. Nem que a promoção fosse dia 25 de Dezembro, é bem vinda.

    Provavelmente já fizeram mais por muitas famílias que os nossos pseudo intelectuais, políticos e demais individuos que se identificam como detentores da solução para a nossa situação financeira.

    Sou seguidor do AVENTAR por concordar com as suas análises, mas este post de hoje é incorrecto. A avaliação de todas as acções deve ser isenta de partidarismos.


  8. Qual partidarismo? não ouviu o que se diz nos 3 anúncios do PD que aqui estão? acha mesmo que isto foi generosidade? que perderam dinheiro? exactamente como procederam não sei, mas que o negócio tem segredo, tem.
    Deixemos de lado o facto de, dado o volume de vendas, hoje terem fechado mais umas lojas de pequeno comércio e falido mais agricultores portugueses. E claro que compreendo que as pessoas acorram, até sei de famílias que se juntaram para atingir os 100 € de consumo mínimo.
    Mas não foi nenhum acto de generosidade, disso tenho a certeza, é a natureza das coisas. Eles vendem para ganhar. Alguém teve de perder por isso.


  9. ” A avaliação de todas as acções deve ser isenta de partidarismos.”
    É pena que a sua não o seja, caro demagogo de meia tigela


  10. Para além das promoções, cartões e talões, sobrepõe-se a ética e o respeito. Ora, a Jeronimo Martins hoje começou a guerra e é pena que muitos tenham comido o prato sem se aperceberem do cuspo e do veneno que lá foi colocado.
    Basta ver que escolheram o dia de hoje e para quem tem acompanhado as homilias do Chief Executive Unfartofficer, percebe o alcance ideológico da coisa. Nada disto foi inocente e as perdas de hoje serão os ganhos de amanhâ. É assim que esta gente pensa. Beware

  11. Jgomes says:

    Sr. João Cabiça , nem todos somos estúpidos alguns conseguimos pensar. Não existem milagres, ou venderam abaixo do preço de custo ,o que é crime e como tal devem ser condenados, ou nos dias normais os preços estão com margens astronómicas. Aliás não admira, por isso o sr, Alexandre Soares se tornou numa das maiores fortunas mundiais e pouco lhe interessam os portugueses, veja-se a transferencia para a Holanda.

  12. João Cabiça says:

    As empresas existem para dar lucro, todos sabemos, e espero que o PD o tenha tido, pq senão ficam em causa os empregos da cadeia. Não é isso o que está em causa.
    Falo apenas porque não considero negativa, de forma alguma, a campanha do PD. Discordo com a idea que o comercio local vai fechar e os agricultores vão falir. Conheço muito comercio local e agricultores que souberam evoluir e fazer competição/frente aos grandes poderes.

    Se, num dia, um hipermercado opta por quebrar a sua margem de lucro (que rondam sempre os 30-60%), não creio que seja uma má medida.

    Caro Alt,
    A minha avaliação é isenta, e não sou demagogo. Sou sim um desempregado que precisa de alimentar a família, e hoje teve a oportunidade de poupar dinheiro. Pare com as filosofias à sindicalista porque ninguem sai isento da culpa da crise em que estamos.


  13. Caro João, não sou sindicalista e e já tive desempregado várias vezes na vida.Além do mais, talvez sou mais de direita do que você.
    No entanto, o que está em causa não é uma promoção per si mas o momento e o dia escolhido para tal. Fazer isto apenas um dia e neste dia em causa. Se quer mostrar o seu agrado pela oportunidade em alimentar a família com produtos a custos adequados, que tal passar todos os dias pelo Pingo Doce e afins locais e demonstrar a sua luta? E protestar pelos cartões, talões e cupões?
    É bastante hipócrita que se faça isto apenas um dia e neste dia. Qualquer um que perceba o que é o 1º de Maio em termos históricos e a sua simbologia, percebe que isto é perigoso. E para si ainda mais que está desempregado. Entenda isso.


  14. Se a margem de lucro baixou na ordem dos 50% (o que não acredito), falamos de dumping. Num país normal (como a Holanda) amanhã Alexandre Soares dos Santos estaria a responder perante um juiz.
    Uma coisa conseguiu: absorver o orçamento de muitas famílias que este mês não vão gastar na concorrência, incluindo o pequeno comércio.
    Para arruinar os agricultores (e não só) o procedimento é automático: por cada x toneladas de compras (negociadas até ao tutano, pagas o mais tarde possível) lá faliu mais um.


  15. “Pare com as filosofias à sindicalista porque ninguem sai isento da culpa da crise em que estamos.”
    Só agora li com atenção a esta frase.

    Caro Joºao, deixe-se de tretas. Está mal informado ou ouviu/leu as coisas erradas.
    Os únicos culpados da crise são os que mais ganharam com ela. OS gestores de entidades financeiras que aproveitaram uma desregulação desordenada e criaram um bolha imobiliário-financeira que causou uma depressão enorme. Decerto que não fui eu ou você. Para desempregado tão amigo do PD, está demasiado convicto da sua culpa pessoal na estrumadeira criada por um bando de gananciosos

  16. João Cabiça says:

    Têm todos razão. Cumprimentos.

  17. Vitor Ramos says:

    somos um povo da treta, uns ignorantes, por isso o passos sabe como trata-los é a bastonada

  18. Ana Bento says:

    : “Duas coisas são infinitas: o universo e a estupidez humana. Mas, no que respeita ao universo, ainda não adquiri a certeza absoluta.”
    … ai, ai, este povo!

  19. maria celeste ramos says:

    Pois quem não sabe vender fecha a loja – o pingo doce deu o maior golpe publicitário da sua existência – e com papas e bolos se enganam os tolos – acho bem que quem queria as coisas “aparentemente a 50%” que tenha ido – espero é que não voltem e percebam a cabrona da intenção – e é pena que muitos ou alguns que gastaram 400 euros, ou menos, os tenham pedido emprestado – tanta generosidade dá logo para desconfiar e o senhor do pingo doce nunca foi a santa casa da misericordia nem lhe faliu nunca casa nenhuma e até já tem lojas na Holanda – e mesmo quando dá produtos para o banco da fome no natal se calhar até estão no último dia de validade – da generosidade de um pobre é que nunca duvidei – se calhar o pingo doce descartou-se de produtos que nem conseguiu vender pois que já há muitos que pouco ou nada compram, embora ali,pelo menos, tenham precisado de ir de carro e gastar gasolina – talvez a meias com algum amigo – quando a esmola é muita o pobre desconfia – mas de ilusão também se vive – este 2012 teve um 25 abril bizarro e, já agora, também o maio – para aliviar o stress – No Programa da RPT2 – 5:00H 2 maio – Bairro Alto – conversa com Elisabete Jacinto há 10 anos a participar no Paris Dakar em biciclete e agora de Camião – a paixão do deserto vai continuar e acha que não deixou só poluição pois que aldeias por onde passam nmasceram mais casas e restaurantes e postos de gasolina mesmo funcionando só durante o tempo do Dakar mas que foi muito bom para muitos habitantes e que lhes dá para viver todo o ano porque também vai com o Dakar muitos turistas além de toda a tripulação – que imprudência programa do Geographi magazine filmarem (e darem a conhecer ao mundo de homens predadores) áreas de mar e peixe que nunca foram invadidos – porque não se calam ?? e depois dizem que há “piratas” – nada fica como santuário da natureza

  20. maria celeste ramos says:

    Coco Island no Serengheti – é UNESCO- mas Sócrates também aprovou o FreePort em área Unesco não foi ? e o TUA e SABOR não são UNESCO ?? Até é mais tentador

  21. maria celeste ramos says:

    Hoje vi na TV um programa sobre os 9 milhões de mexicanos “ilegais” que foram entrando na Califórnia para sobreviver e também na perseguição do sonho americano – uma menina foi mesmo para a universidade onde nem sequer se importam que continue ilegal e papéis dos usa é que nunca – mesmo os polícias disseram que se os apanhassem lhe dariam um tiro – não são nada racistas – Passam a fronteira “a salto” e entretanto há um campo – mesmo campina de milhares de ha – onde fazem horticolas e morangos, são pagos ao dia e por tarefa e todos os produtos são já preparados e embalados no campo e metidos os caixotes em camiões e é só seguir – disseram os milhões de dollars de lucro anual do proprietário que lhes dá trabalho escravo mas nem recordo e trabalham todo o dia curvados e dormem em contentores que a empresa disponibiliza e com 5/6 pessoas por divisão – dormem muitos no chão – no país da liberdade e democracia que dá lições ao mundo – não sei porque escrevo isto – passou-me pela cabeça e incomodou-me. Talvez porque o meu país que evoluíu do que se passou antes de 1974, tornou-se culto e civilizado e está a encher-se de lixo do Continente & outros, de Coonstâncios e Durões que “saltam” para a UE e que cantam de galo à espera de afundar e com a ajudinha do país vizinho que se não explora em directo (até o nosso peixe nos açores e algarve) o faz indirectamente nem que seja no preço da gasolina na fronteira onde passam os TIr que permitem – pois é a escravatura dos mexicanos pelos usa – e não esqueço os programas que vi várias vezes do trabalho escravo (até sexual e mercado) da UK , também com japoneses que no noroeste apanham berbigão – sem documentos que não lhes dão – deixando-os afogar por não saberam ler ingl~es e as horas das marés, berbigão comprado por inglaterra a 50% do preço a que vendem os ingleses e que são exportados para as “tapas” de Espanha – pois é a europa de onde adoraria sair – mas não convém à UE – BES Photo 2012 dá prémios – no museu Berardo – estes ladrões vão roubar-me até 2018 e nestes 6 anos o IRS aumenta – os preços de tudo também e chegarei a 2018 com o ordenado mínino de um paiseco qualquer desta UE – que inflacção para cada ano até 2018 ?? quantos mais suicídios ?? Quantos mais a emigrar ??? o país vai ficar com cada vez mais velhos e os jovens emigram ??? e sendo que já somos ou o mais, ou das populações mais velhas da europa – só boas notícias – mas hoje estive de tarde com 4 amiguinhos de 18 anos que tocam violino e pratos na Orquestra Metropolitana de Lisboa que fica aqui no Bairro – e estudam – uma delas é natural de Kiev e fala português impecavelmente e adora portugal – Mas que dia o meu – do Continente aos Músicos – amanhã vai chover e talvez que não morram mais pastos nem ovelhas nem vacas e que a OviBeja corra bem

  22. Fernando says:

    Para o sr. João José Cardoso e’ crime baixar a margem de lucro, assim como e’ crime vender com margem de lucro exorbitante.
    Preso por ter cão, preso por não o ter.
    Certamente que para o sr. Cardoso também será crime vender produtos “expired date” muito abaixo do custo. Ou será crime oferecer estes produtos (que embora com a data expirada ainda estão dentro das margens de segurança alimentar).
    Numa palavra: ninguém e’ dono daquilo que e’ seu.
    O Sr. Cardoso também disse que o Chairman do Pingo Doce era uma das maiores fortunas mundiais! Oh Cardoso a fortuna do Alexandre ao pé das fortunas que existem “só” no Pais onde vivo (que não e’ o USA) dificilmente seria aceite no circulo dos milionários locais.
    Gostei do comentário da Ana Bento. Bastaram duas linhas para dizer tudo.

  23. maria celeste ramos says:

    Obama deixou o Afeganistão e logo a seguir atentado suicida com carro armadilhado – SIC 06H-2maio-2012


  24. Pingo Doce Zero: Uma clara amostrazinha da pobre servidão moderna em plena função contra si mesma…prestada mesmo a ser usada como atora da máscara que esconde ou complica a realidade que nos afunda dia a dia.


  25. Desculpas pelo erro garrafal: quería dizer actriz, não atora (que mal soa, ha ha). Por circunstâncias da vida, tenho a língua portuguesa bastante avariada.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.