“não temos budget para nada”

trabalho-escravo

Procura-se “jornalista m/f” para trabalho escravo.
Os interessados podem ser sodomizados aqui.

Comments

  1. Hugo says:

    MAS, é possível “fazer várias coisas a partir de casa” e no final até dão um certificado e tudo! Já para não falar do facto que é um jornal ligado à cultura, logo é coisa que se faz por carolice.

  2. Eva Garcia says:

    Chegámos ao apogeu da escravatura! “utacúspariu!”


  3. As mais variadas formas de escravatura do sec XXI – o homerm não muda – refina


  4. Aliás até se vê pela forma incluindo a lexical com que colabora no “aventar” mas especialmente no FaceBook que dá para “espantar”

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.