Entendi

Jorge Manuel Jardim Gonçalves
A prescrição da multa do banqueiro Jardim (1 000 000 00) e, a caminho, a de Rendeiro (4 000 000 00) e de Oliveira Costa e respectivo bando (10 000 000. 00). A gelatina moral de Constâncio e de outros habilidosos do Banco de Portugal. Os banqueiros que se esquecem de declarar milhões ao fisco. Os ladrões do BPN que, em luxuosas mansões, gozam alegremente o produto dos seus desmandos. Os juízes complacentes (ou complacente$). Tudo nos termos da lei, claro.

Penso em quantos milhões de reformas, pensões, ordenados, apoios sociais é preciso roubar para pagar tudo isto e, perante o espectáculo, cada vez percebo melhor porque os mafiosos sicilianos se auto-designam “homens de honra”.

Comments

  1. Também lhes podemos chamar “Intocáveis”…

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.