O amargo sabor de um chocolate quente

E se lhe oferecessem um chocolate quente quando faz compras num Centro Comercial, aceitaria? E se esse chocolate fosse tão amargo, que fosse impossível de beber, como o é a vida das crianças que trabalham nos campos de cacau na Costa do Marfim, conseguiria ficar indiferente?

Numa iniciativa da  Getinspirit, uma organização de sensibilização para o flagelo do trabalho infantil na Costa do Marfim, foi feita, há uns dias, no Oeiras Parque,  uma prova, sem que os visados soubessem o que iam provar. As reacções estão espelhadas no vídeo.

Comments

  1. Dora says:

    Uma campanha ligeiramente infeliz nos métodos arranjados.

    Fosse noutro sítio que não 1 centro comercial, e talvez alguém ficasse sujo para ficar só por aqui.

  2. Maria de Almeida says:

    Opiniões Dora…

  3. Pedro M says:

    Que estupidez, em todos os sentidos. Primeiro porque em vez de granjear simpatia pela causa, gera antipatia. Segundo porque compara o incomparavel. Preferia beber o chocolate todos os dias ou ser escravo? É cada maluco…

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.