7 – Luís Filipe Scolari -1

Tinha de ter uma alegria neste mundial, escusava era de vir da Alemanha.

Comments

  1. João Soares says:

    É o que acontece a quem foge ao fisco !!!
    Leva sete murros nas “fuças”

    • José Peralta says:

      Por esse ponto de vista, a cara do ricardo salgado, (“só” um exemplo entre muitos outros…) devia estar a precisar de uma completa cirurgia plástica…mas não se nota nada !

  2. j. manuel cordeiro says:

    BRA71L

  3. Lu Pisarro says:

    João… És ferino, não ? Quanta inveja ! Voces caíram bem antes… E eu como brasileira e filha de papai português (do lindo Porto) fiquei triste (e o povo brasileiro também) Quando vcs chegaram “quase lá” e perderam para a Grécia, foi “ele” (Felipão) que estava no comando. Hoje, deu um “branco” e em alguns minutos levamos 4 gols. Depois não conseguimos nos recompor psicologicamente. Não obstante hoje ter sido um dia ruim, estamos realizando uma amorosa e maravilhosa Copa !!!


    • scolari deve ser o único treinador no mundo que conseguiu perder dois jogas com a seleção grega numa fase final de um europeu ou mundial…

      • Daniel says:

        Scolari certamente é o unico treinador do mundo a levar Portugal a uma final de uma grande competição de futebol. Se outros teriam feito melhor? Talvez… Se Scolari teria feito melhor que Paulo Bento neste Mundial? Talvez… Nunca ninguém saberá e não vale a pena especular. Aquilo que lhe digo é que só espero voltar a ver a Selecção numa final (com sorte ainda só vivi um terço do meu tempo de vida) de uma grande competição.


    • Um branco? deu mas é um Scolari, o admirador de Pinochet que nem para treinador de amadores é competente. E não estou a gozar com o Brasil, fique bem claro, mas com o idiota que veio para Portugal combater a sua melhor equipa de futebol.

    • rampas says:

      o problema do João José Cardoso é outro:
      há muitos anos o Scolari foi teimoso e não aceitou as habituais intromissões do F.C.Porto na selecção (escolha/imposição de seleccionadores e de jogadores). fez ele muito bem, porque conseguiu deixar de fora os elementos medíocres que vulgarmente por ali andavam. resultado? a melhor prestação de sempre da selecção numa prova internacional!

      mas, apesar do excelente resultado, os adeptos do Futebol Clube da Corrupção, perdão, da Fruta, ooops, do Calor da noite, aiai, do Porto, nunca lhe perdoaram a afronta.

      (entretanto o F.C.Porto está falido, vários ex-jogadores vieram a público admitir o uso de doping/drogas, de ameaças físicas aos jogadores e treinadores, o presidente fugiu para Espanha na véspera da polícia ir a casa dele. foi isto que o Felipão enfrentou.)


      • O teu é simples: um campeonato de 4 em 4 anos, perder finais europeias por sistema, e a lata de esquecer que o tal melhor resultado de sempre corresponde a 2 derrotas com a Grécia, essa super-potência do futebol mundial. A primeira precisamente porque Scolari cumpriu as instruções do 5LB e não utilizou os jogadores do campeão europeu.
        Mas lá está, servem-se frias, o vosso treinador acaba de mostrar o que vale.

  4. Lu Pisarro says:

    rampas… Obrigada pelos esclarecimentos e um abraço meu do Brasil (mais precisamente de Campinas – SP). Agora estou entendendo tudo. Esta inveja tem “motivos”… *Valeu#Brasil

  5. Ferpin says:

    Ao contrário do autor não senti nenhuma alegria com a derrota do Brasil. Com Scolari ou com outro qualquer desejava que o Brasil tivesse ganho o mundial, depois é claro, da saída de Portugal.
    Reconheço no entanto que o Scolari é apenas (se calhar agora nem isso) um bom motivador. Porque de táctica ainda percebe menos que o Paulo Bento.
    E acho que é verdade que o Scolari foi, certamente por encomenda, anti-porto, com tanto azar que tal aconteceu no melhor momento da história do FCP, ainda por cima chegando o FCP a jogar com 10 portugueses na liga dos campeões.
    Não dou ao Scolari qualquer mérito de 2004. Precisou de perder o primeiro jogo com a Grécia para perceber que o Ricardo Carvalho ( mais os outros do FCP que não jogaram contra a Grécia) era um jogador excepcional. A questão do baia foi outra que tal.
    O Portugal do Scolari perdeu o primeiro jogo com a Grécia. O FCP do Mourinho mais figo, rui Costa, Cristiano, e outros, levou-nos à final. A final… aí foi uma Grécia já crente no sucesso da retranca que lhe tinha permitido chegar lá, mais a enorme sorte que tiveram a vencer-nos.

    Quanto ao Brasil, só de pensar que vamos ter a merkel na final… Rais parta o nabo do Scolari.

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.