Claro que privatizar sem travões fica mais barato

No Metro de Lisboa um comboio não travou.