Companhia aérea de bandeira – II

-Por este caminho não adiantará muito privatizar a TAP. O valor só pode estar a cair a pique, acabará vendida a preço de saldo…

Comments

  1. Nightwish says:

    Mas já os funcionários fazerem greve por falta de segurança é grave.
    Isto é só o mercado a funcionar, se cair, caiu.


  2. A segurança é um bem exigível, das principais garantias que podem e devem ser oferecidas aos passageiros. Não faltam exemplos, se quiser aponto já a Swissair. Quando existe um acidente, a companhia é fortemente penalizada.

    • Nightwish says:

      É como as pontes, as barragens, as autoestradas, os derrames de petróleo… são sempre penalizadas, mas continuam no mesmo, que é mais barato.


  3. Já sobre a TAP não houve e esperamos todos que não venha a haver qualquer acidente. Mas preocupam os episódios constantes. Sobre este voo em concreto permita que explique. De Lisboa a Luanda são 7 horas a 7 horas e meia de voo. Passar a alfândega na manhã de segunda-feira em Luanda, quando aterram 4 aviões quase seguidos, é sofrível. Regressar a Lisboa quando já vão com 4 horas de voo, segundo a companhia dava para prosseguir, mas para não parar o avião em Luanda, sem atender ao interesse dos passageiros, nem sei que lhe diga. Ainda tinham as opções S.Tomé ou Cabo Verde, com 4 horas de voo, não deveriam andar longe…

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.