Paulo Cunha e Silva (1962-2015)

Não há que ter ciúmes uns dos outros. Num sistema complexo, o conjunto é mais do que a soma das partes, mas as partes passam a ser mais do que aquilo que são se funcionarem autonomamente e entregues à sua solidão cósmica.

Excerto retirado da entrevista concedida a Porto Olhos nos Olhos. Fotografia publicada no facebook de Paulo Cunha e Silva.