Liberdade vs regulação

Um debate interessante que serve também para elucidar algumas mentes confusas que costumam passar por aqui. Uma coisa é defender a liberdade de investir, arriscar, criar riqueza. Outra bem diferente é aceder à pretensão corporativista do capital instalado que gostaria de operar sem concorrência, eliminando à nascença potenciais novos concorrentes que apostam na inovação, oferecendo uma solução à medida do consumidor. O maior aliado que o capitalista monopolizador pode encontrar é sempre o Estado burocrata disposto a tudo regular. Quando bem sucedido, já sabemos quem será o lesado…

Comments


  1. Isto parece um post d’O Insurgente

  2. Gottlieb says:

    Concordo 100% com o António.
    Que venham os Airbnb, os UBER, os Ebay.
    e … bardamerda pró Insurgente.
    São uma boa maneira do “povo” fazer uns tostões tirado aos negócios das multinacionais e dos capitais corporativos (há muito) instalados.

  3. Nightwish says:

    Dá para os dois lados: há muitas indústrias onde os incumbentes escrevem a legislção para o estado impedindo novos concorrentes de aparecerem, mas legislação também permite saber o que está presente nos alimentos e garante um mínimo de condições de higiente, por exemplo. Para alguém com alergias, legislação dá um jeitaço do caraças.
    Um estado corrupto está bem duma maneira ou de outra e arranja sempre maneira de favorecer quem lhe apetece, o problema não é haver burocratização.

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.